COVID-19: Há um mês, Itália resistiu a tomar medidas mais restritivas contra coronavírus; hoje soma 7,5 mil mortes

25 de março - Um caminhão pulveriza desinfetante como uma medida
preventiva contra a propagação do novo coronavírus em frente
à Basílica de Santa Maria Maior, em Roma, na Itália —
Foto: Andrew Medichini/AP.4
(Bem estar G1) – O Ministério de Saúde da Itália registrou ao menos 7.503 mortes por Covid-19 e mais de 57,5 mil casos do início da epidemia até esta quarta-feira (25). Há um mês, o país mediterrâneo relutava em ampliar medidas de isolamento que estavam concentradas em cidades da Lombardia, região ao norte do país mais afetada pelo surto de coronavírus.

O rápido aumento no número dos casos, que em apenas uma semana de fevereiro foram de 76 para 650, diversos países passaram a restringir as viagens tanto com destino como as que tinham origem nas regiões mais afetadas da Itália.

O ministro das Relações Exteriores, Luigi Di Maio, disse em 27 de fevereiro, que houve uma "cobertura exagerada da mídia", o que teria sido motivo para a redução no número de voos.

A Itália vive, desde o dia 9, um isolamento total que inclui a suspensão de aulas e de serviços não essenciais. Eventos foram cancelados, e até mesmo o transporte de mercadorias foi limitado.

Giuseppe Conte afirmou nesta quarta-feira que a emergência do novo coronavírus é "sem precedentes" em todo o mundo e é necessário que todos os países sejam rigorosos na luta contra a Covid-19.

"Ninguém pode aceitar, muito menos a Itália que está fazendo grandes sacrifícios para combater o vírus, que outros países não percebam essa necessidade de máxima atenção preventiva", disse o primeiro-ministro durante um pronunciamento na Câmara dos Deputados da Itália. Leia mais...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os maiores açudes do Nordeste

PANDEMIA: Confirmado – Coronavírus circula em Apodi

CURIOSIDADE: O sexo no mundo animal – tamanho do pênis

PANDEMIA: Apodi continua sem caso suspeito de COVID-19, afirma secretário Sabino

A construção das pirâmides do Egito