Pular para o conteúdo principal

Projeto do IFRN ganha credencial para evento na Austrália Premiação garantirá ao CRAB participação no WFCP, em outubro

Selecionados participarão do WFCP, em Melbourne. Foto Gildo Jr, do IFRR
Entre os integrantes da comitiva do IFRN a 42ª edição da Reunião anual dos Dirigentes das Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica (Reditec), os professores João Teixeira e Wesley Feu, que foram apresentar projetos num evento paralelo a reunião, a Tenda Tecnológica. João, que levou o Projeto Crab, ficou entre os seis selecionados para o Congresso da Federação Mundial de Colleges e Politécnicos (WFCP), que acontece de 8 a 10 de outubro de 2018, em Melbourne, na Austrália.

CRAB
Desenvolvido pelos alunos do curso técnico integrado em Eletrônica Iago Souza e Maraysa Araújo, do Campus Natal-Zona Norte, e com orientação dos professores João Teixeira e Arthur Salgado, o projeto Crab (caranguejo, em inglês) foi idealizado e produzido pelos alunos como resultado de pesquisa desenvolvida na parceria do IFRN com a Universidade Petrobras, através do Programa de Formação de Recursos Humanos (PFRH).

O robô, que é movido a energia solar, tem como intuito ajudar usuários de cadeiras de rodas a passearem na areia da praia. Para João, a participação em mais um evento internacional é importante sob vários aspectos: “além de mostrar o nosso potencial inovador, ir a Melbourne é oportunidade de entrar em contato com pesquisadores do mundo todo e, quem sabe, desenvolver contatos e parcerias que deem ao Crab um alcance global e aos cadeirantes mais opções de lazer”, disse.

Transportijo
O que surgiu como um problema durante as aulas de materiais de construção, disciplina que integra a grade do curso de Edificações, encontrou solução: desenvolvido pelos estudantes Éllbio Clemente, Jassira Pereira e Márcia Ferreira, e sob coordenação dos professor Wesley Feu e Jozilene de Souza, surgiu a Transportijo: “um transportadora manual de tijolos que busca facilitar o deslocamento horizontal de tijolos e blocos para alvenarias e trabalhar na prevenção de doenças ocupacionais dos operários da  construção da construção civil”, definiu o professor.

A ferramenta idealizada pelos alunos e "comprada" pelos docentes do núcleo de edificações do Campus São Gonçalo do Amarante é capaz de transportar manualmente 7 tijolos vazados e 14 maciços em cada "viagem". Segundo Feu, o projeto tem despertado interesse da comunidade pela simplicidade, baixo custo e benefícios à saúde do trabalhador.

Reditec e Tenda Tecnológica
Realizada em Búzios sob organização do Instituto Federal Fluminense (IFF), a Reditec contou com um evento paralelo, a Tenda Tecnológica, um espaço interativo voltado para divulgação dos projetos de inovação da Rede e dos Polos de Inovação mantidos por alguns institutos em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii).

Ao todo, foram expostos 41 projetos de inovação, de 23 instituições da Rede, voltados à produção ou aprimoramento de produtos, processos e operações. Inicialmente, dois projetos seriam premiados com a participação no Congresso, mas, durante a entrega dos resultados, o reitor do IFF, Jefferson Manhães, e Romero Raposo Filho, secretário da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (Setec/MEC), anunciaram o aumento do número de selecionados, elevando para seis o números de projetos que irão à Austrália.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CURIOSIDADE: O sexo no mundo animal – tamanho do pênis

Na natureza, tamanho pode ser documento. A notícia que uma lula encontrada nas Ilhas Malvinas tem um pênis do comprimento do seu corpo causou certo espanto, mas ela está longe de ser exceção.

O homem Nesta proporção também se enquadra o homem. Em média, o tamanho médio dos pênis varia entre 12 e 15 centímetros em estado ereto, apesar de depender de diversos fatores como raça, biotipo, genética e tamanho da pessoa.
Portanto, não há uma definição específica para o tamanho do Pênis na nossa espécie. Segundo a enciclopédia científica, pênis apenas com 7 cm ou menos em estado de ereção são considerado pequenos.
A baleia-azul
A baleia-azul (Balaenoptera musculus), que chega a ter mais de 30 metros de comprimento, é considerada pelos cientistas a espécie mais bem dotada do reino animal, pelo menos em termos absolutos: o órgão sexual de um macho adulto atinge mais de 2 metros de comprimento -- mas isso significa apenas 7% do tamanho de seu corpo.
A Lula Na natureza, o tamanho do aparelho reprod…

PANDEMIA: Falece de covid-19 em Mossoró 3º Apodiense

Mais um apodiense faleceu vítima da COVID-19. Sidney (45), estava internado na UTI em Mossoró lutando pela vida. Foi bravo, mas foi vencido. Teve duas paradas cardíacas e não resistiu na segunda no final da tarde início da noite de hoje (22). Infelizmente. Muito triste.
Nossos pêsames aos familiares. Sidney foi o terceiro Apodiense morto pelo coronavírus. Deus proteja a nós todos.

CIÊNCIAS: Vale apena saber – Porque quando estamos gripados não sentimos o cheiro nem sabor das coisas?

Quando você está com gripe ou resfriados você quase não sente o cheiro das coisas. Quanto ao sabor é como se tivéssemos comendo palha. Mas será por que isso acontece?
Ao ficarmos gripados ou resfriados as células que formam a mucosa nasal produz excesso de muco (espécie de liquido pegajoso) na tentativa de diminuir a irritação causada pelos agentes causadores da infecção.
Dessa forma o excesso de muco dificulta a chegada das moléculas de odor, que se propagam no estado gasoso, até as células receptoras de olfato e com isso há uma diminuição nesse sentido.
Além disso, os próprios vírus afetam células olfatórias prejudicam ainda mais o funcionamento do olfato. Como o olfato interfere na identificação dos sabores esse sentido também fica prejudicado, daí você também não sentir o gosto.
É isso ai, repouso, boa alimentação e muito líquidos são fundamentais na recuperação contra gripes e resfriados. Agora você ficou sabendo por que não sentimos cheiro nem o sabor quando estamos com gripe e resf…