CNPq e MCTIC estimulam participação feminina na área tecnológico

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) abriram a chamada pública Meninas nas Ciências Exatas, Engenharias e Computação. As propostas devem ser enviadas até 5 de outubro.

O objetivo é apoiar projetos de desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação no país, estimulando a participação e a formação de meninas e mulheres para a carreira de ciências exatas, engenharias e computação.

Dessa forma, o intuito é despertar o interesse vocacional de estudantes do sexo feminino da educação básica e do ensino superior, combater a evasão das alunas dos cursos de graduação nas áreas tecnológicas, bem como realizar uma aproximação entre as escolas públicas da educação básica e as instituições de ensino superior.

O edital traz as modalidades de bolsa de Iniciação Científica Júnior (ICJ), Iniciação Científica (IC) e Apoio Técnico à Extensãono País (ATP-A). As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global de R$ 3 milhões, sendo R$ 2 milhões oriundos do orçamento do CNPq e R$ 1 milhão oriundo do orçamento do MCTIC, a serem liberados em parcela única, de acordo com a disponibilidade orçamentária e financeira no CNPq.

Confira a chamada pública na íntegra no site da Pró-Reitoria de Extensão (Propesq).
Agência de Comunicação da UFRN 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CIÊNCIAS: Vale apenas saber - A classificação das aves

EM TEMPO: Alan Silveira continua dando um trato na infraestrutura urbana

CIÊNCIAS: Vale apena saber – Porque quando estamos gripados não sentimos o cheiro nem sabor das coisas?

CIÊNCIAS: Vale apena saber – O funcionamento da bexiga natatório dos peixes