Pular para o conteúdo principal

Sem ter o que comemorar, Prefeitura de Apodi encerra ano entregando pintos

Reprodução Blog Maracutaia Zero.
Para quem achou que 2017 seria o ano das grandes realizações em Apodi, com a chegada dos royalties em grande escala, vai ter que se contentar com muitas selfies, nenhuma obra, e alguns pintos.

Apodi contava com uma melhoria na infraestrutura da cidade, uma vez que quase R$ 9 milhões já entraram nos cofres públicos provenientes do petróleo que é extraído de nossas terras.

Mesmo com cofres cheios, acompanhamos as torneiras abertas para pagamento de folha de funcionários, além de aluguéis de carros e casas que foram motivo de debate na câmara municipal.

O ano não poderia terminar de maneira mais desoladora: Alan segurando os pintos que deverão ser entregues aos agricultores e agricultoras do nosso Apodi.

Como feito que deverá encerrar o ano, a 'ruma' de pintos passou a ser piada nas redes sociais. Enquanto o povo passa dificuldade por água nas comunidades, enquanto que os alunos reclamam da merenda escolar de qualidade questionável, enquanto que pacientes aguardam nas filas de exames, e encontram as portas fechadas de algumas UBSs, a prefeitura faz a entrega de uma dúzia de pintos.

Apodi foi dormir ao final de 2016 na esperança de dias melhores, e acordou em 2017 num grande pesadelo.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

APODI: DNIT quer demolir residência e desapropriar moradores que se encontram as margens da BR 405 no Distrito de Melancias

D. Mariana Carvalho, que mora no Distrito de Melancias, zona rural do Apodi, Oeste do RN, está aflita. Está prestes a perder sua residência e ser desapropriada.
O DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura do Trânsito) está querendo demolir sua residência juntamente com a residência do Pr. Gilberto de uma congregação do Distrito.

D. Mariana nos conta que há 01 ano recebeu uma visita do DNIT, notificando sua residência e a residência do Pr. Gilberto. O DNIT alega que sua casa e a do pastor na na área territorial do DNIT.
Ora, qual é esse critério do DNIT para decidir a esse respeito? Dezenas de centenas de casas em Melancias encontram-se as margens da BR 405. Muitas distantes, 05, 07, 10 metros da BR. Em Apodi mesmo, inúmeros estabelecimentos comerciais e casar estão praticamente dentro da BR 405.
Segundo nos relatou D. Mariana, sua residência encontra-se distante 28 metros da BR 405 que corta o Distrito de Melancias. Bem mais distante que diversas outras casas e estabelecimentos comerc…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio