Pular para o conteúdo principal

Até breve campeão

Imagem reprodução.
O nosso campeão se foi. [CAMPEÃO: Felipe Fernandes foi aprovado em medicina na PUC-Campinas]. Venceu sete vestibulares para medicina ao todo. Sem palavras.

Não sei qual a sensação de ser atingido por um raio. Mas não deve ser uma sensação tão diferente a que sentimos nesse momento. Sei lá, talvez o silêncio fosse a melhor homenagem... Talvez não...

Nossa família já passou por momentos muito difíceis. A morte do meu pai, 71 anos, da minha estimada mãe, 70 anos. E agora o terrível golpe com um dos meus mais estimados sobrinhos: Felipe Fernandes, 23 anos, de forma extremamente precoce e violenta. 

Um menino sem paralelo. Não há como expressar esse acontecimento com uma pessoa tão especial, carinhosa, bondosa, inteligente. Passam-se tantas coisas na cabeça da gente... Talvez se só viesse aqui nas férias os riscos fossem menores... Ou se só viesse aqui de ônibus... Diversas coisas desse tipo ficam passando na mente da gente. 

Mas, não poderia deixar de prestar essa homenagem nesses meses que antecedem o fechamento desse blog (Dezembro, provavelmente  Se Deus nos deixar viver até lá). Já tenho planejado isso há algum tempo. Por isso peço licença ao meu irmão para essa última homenagem.

Não me via uma vez para me dar aquele abraço afetuoso: “como vai tio?”. Sempre me perguntava com aquele sorriso generoso. Vez por outra aquele beijinho carinhoso na testa de sobrinho para tio que me deixava meio sem graça. Fruto de uma educação do lar exemplar de seus pais Cezimar e Cila. 

Entender e questionar a Deus? Nem pensar. Deus sabe todas as coisas. Só peço que Deus dê o conforto a todos nós, em especial aos pais e irmãos de Felipe, que com certeza, vão usá-lo como espelho para continuar seu legado invejável.

Outro sim, agradeço a Deus pelo privilégio que nos deu em ter convivido com uma pessoa tão maravilhosa pelos 23 anos que viveu.

Tenha paz Felipinho.  Até breve meu campeão.
Com carinho, tio Toinho. 

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Faleceu a jovem Ellaine Torres

Ellaine Torres se foi... Perdeu a luta para sua enfermidade. Foi uma guerreira. Resistiu enquanto pode. Não deu. Muito jovem, deixa filhinha, familiares e um mundo de amigos órfãos.
Muito triste para todos nós a perda de uma pessoa do bem e que tinha uma vida inteira pela frente.
Que Deus possa nos conceder o conforto. O sepultamento de Ellaine Torres será às 16 horas, no cemitério parque saudade.
Este é o meu consolo no meu sofrimento: A tua promessa dá-me vida Senhor. Salmos 119:50”.

E Alanzinho inaugura a primeira grande obra do seu governo

Uma vez a praça pronta - a parte mais difícil, diga-se de passagem - um parque viria complementar tão grandiosa obra.
A bacurauzada (como é conhecida a militância do PMDB por aqui) do Apodi vai, hoje (21), esquecer a praça, se regozijar e irá focar todo seu olhar, carinho e atenção no parque. Muito bonito, por sinal. Com certeza garantia de muitos sorrisos nos rostos das crianças daqui para frente. 
O Governo Alan Silveira (Alanzinho - como é carinhosamente chamado), inaugurará o parquezinho infantil da praça no dia de hoje. A primeira obra do seu governo. Muito bom para início. Vão logo começando a contar, temos certeza que muitas outras virão. Parabéns prefeito.

Zé Maria anuncia rompimento com o grupo do PCdoB

A partir de agora não partilharei de nenhum projeto ao lado do PCdoB. Tivemos um grupo até ganhar a eleição, depois, o boicote e o isolamento promoveu o desgaste”. Com essas palavras o ex-prefeito do Apodi, José Maria da silva, anunciou a esse blogueiro em entrevista na noite de ontem (29), o rompimento com o grupo do PCdoB aqui do Apodi.
Zé Maria nos afirmou que algumas pessoas estão achando, por exemplo, que a indicação do hospital foi um consenso de toda a oposição. Mas ele afirma que não foi bem assim. “Gostaria de esclarecer que não tive nenhuma participação nessa indicação. Eu, com o apoio de todos os vereadores de oposição, estava definindo um nome, porém a liderança do PCdoB não respeitou e fez a indicação de maneira isolada, desrespeitando a todos nós”, explicou Zé Maria. “Diante disso e de outras situações desagradáveis que passei (sem externar, em defesa da unidade), a partir de agora não partilharei de nenhum projeto ao lado do PCdoB”, continuou. “Tivemos um grupo até ganh…