AMBIENTE: Como melhorar a iluminação pública sem destruir o meio ambiente?

Imagens reprodução.
O nordeste tem um dos climas mais hostis do mundo, o semiárido. Só perde para o árido e o polar. Por mencionar um clima quente como o nosso, as árvores são indispensáveis para amenizar a situação. O pensamento correto deveria ser esse. Menos para a municipalidade local.

Apodi é uma das cidades menos arborizadas do estado do RN. A municipalidade tem dado um jeito, muito recentemente de ampliar esse recorde negativo que Apodi tem. Da semana passa para essa, a quantidade de árvores que foram ao chão nas praças e nos canteiros do Apodi são muitas. O pior começou o verão para valer, o tempo vai ficar bem mais quente.

Uma das principais justificativas para uma atitude tão na contra mão do ideal diz respeito ao tocante das árvores estarem reduzindo o efeito da iluminação pública. No entanto, a justificativa não é plausível, isso por que existem muitos modos de iluminar canteiros e praças sem botar árvores no chão.


Alguém já ouviu falar na iluminação de baixo para cima? Essa seria a saída ideal para deixar as árvores preservadas e, ao mesmo tempo, melhorar a iluminação da cidade, dando ao mesmo tempo um aspecto bem melhorado ao paisagismo urbano. Como mostra as fotos reprodução acima.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ABERRAÇÃO: Quem votou contra e quem votou a favor de mais desperdício de recursos públicos?

Diretora administrativa da maternidade Claudina Pinto pede demissão

EM TEMPO: Reunião da APAMI – As contradições do chefe do executivo

NOTA DE REPÚDIO AO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE APODI

Zelo pelo recurso público né? Sei!