Recursos de R$ 20 milhões liberados pelo Ministério dos Transportes serão investidos na recuperação de cinco rodovias no RN

Reprodução.
Os recursos de R$ 20 milhões, oriundos da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (CIDE), e liberados para o Governo do RN nesta quinta-feira (6), já tem destinação específica para aplicação do repasse.

A verba, que é um tributo cobrado sobre os combustíveis, será investida na recuperação da Estrada da Pipa (RN 003), do trecho entre Monte Alegre e Brejinho, Monte Alegre e Lagoa Salgada, e Lagoa Salgada e Lagoa de Pedra, todas na BR 101, além da RN 118, no trecho entre Itajá - Macau.

Ainda sobre a RN- 118, existe um projeto executivo para restauração de um trecho de 54 km, com investimento de R$ 37 milhões, recursos oriundos do Governo Cidadão, por meio do acordo de empréstimo do Banco Mundial. O investimento nas rodovias somará até o final deste ano 155 km em restaurações. Em 2016, foram recuperados 126 km, sem contar com a operação tapa-buraco.

Liberação de recursos
Os R$ 20 milhões do CIDE foram liberados após solicitação do governador Robinson Faria, em audiência com o ministro dos Transportes, Maurício Quintella, em Brasília. O chefe do Executivo estadual foi acompanhado pelos secretários de Planejamento e Finanças, Gustavo Nogueira, e de Gestão de Projetos, Vagner Araújo.

Na ocasião, Robinson ainda pediu agilidade em duas obras federais no RN. A retomada dos serviços na reta Tabajara, em Macaíba e do complexo viário da Avenida Maria Lacerda Montenegro, na BR-101, em Parnamirim.

Assecom-RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ENTREVISTA: Professor Bruno Coriolano concede entrevista ao Blog

Repórter Wilson Oliveira me passou informações preocupantes sobre situação da maternidade Claudina Pinto

Vereador Gilvan Alves doa um mês de salário e, consegue revitalizar Caixa D'água de comunidade do Góis

Nota de esclarecimento