O RETORNO: Com proximidade de 2018, políticos que passaram quatro anos votando contra o povo retornam as suas bases de apoio

Reprodução.
Eleições 2018 se aproximam. É chegada a hora de muitos deputados e senadores – que são fundamentais na aprovação de leis que beneficiam ou não o povo – retornarem.

Por incrível que pareça, mesmo descaradamente votando leis que vão na contra mão dos interesses da classe pobre de estados e município, eles começam a voltar a ter contato com as famosas bases de apoio.

Mesmo sendo taxados de golpistas, voltarem em projetos que vão contra os investimentos em saúde, educação e segurança, essas bases dão sempre um jeito deles serem aplaudidos.

Dessa forma vamos “levando”. Esses ditos cujos vão ganhando confiança. Uma nova roda de propinas começa a ser negociada. Rombos futuros em cima dos rombos presentes vão se cumulando.

O poder de decisão deveria estar nas mãos do povo de fazer diferente. Não o fazem. Tenho plena certeza que, mesmo os que estão no xilindró, se fossem soltos, essas bases de apoio com seus militantes cegos darão o mesmo aplauso e voto. Desse jeito, não tem jeito.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Secretaria de assistência social do município do Apodi afirmou que despesas do CRAS impedem festa das crianças

Relator do TCU dar parecer favorável para que os ex-gestores do Apodi sejam condenados a devolver recursos ao erário público

RETROSPECTIVA 2013/ 2016: APAMI e a gestão de Castelo

SURPRESA: Grande festa das crianças terá início logo mais as 17 h

O funcionamento da maternidade ou festa para as crianças?