Pular para o conteúdo principal

Galeno defende turismo regional para fomentar economia do Alto Oeste

Crédito da Foto: Assessoria de Comunicação.
Rica em belezas naturais, cultura, gastronomia e lazer, a região do Alto Oeste apresenta um grande potencial econômico diante do contexto do turismo regional. De acordo com deputado estadual Galeno Torquato (PSD), para que a atividade possa se consolidar como um setor a ser desenvolvido, é preciso motivar o poder público e a sociedade potiguar a perceberem a importância da região para a atividade turística do Rio Grande do Norte e a se engajarem na causa.

O parlamentar destaca algumas ações pontuais, como o mapeamento dos potenciais turísticos de 23 cidades do Alto Oeste. Entre os municípios que fazem parte do que foi designado como o Circuito das Serras, encontram-se as cidades de Água Nova, Alexandria, Antônio Martins, Coronel João Pessoa, Doutor Severiano, Encanto, Francisco Dantas, Frutuoso Gomes, João Dias, José da Penha, Luiz Gomes, Major Sales, Marcelino Martins, Martins, Patu, Pau dos Ferros, Portalegre, Rafael Fernandes, Riacho da Cruz, Serrinha dos Pintos, Venha-Ver, Viçosa e São Miguel.

Além do monitoramento, Galeno Torquato defende a capacitação e qualificação tanto do empresariado interessado em atuar no setor turístico, quanto a mão de obra disponível para operacionalizar as atividades que compõe o setor, que interagem com mais de 50 atividades da indústria do turismo, sendo, no Rio Grande do Norte, o maior empregador e responsável pela segunda maior fonte de receita.

Galeno Torquato aponta ainda a necessidade de um maior engajamento entre as bancadas estadual e federal. Ele defende que o turismo deve ser um dos principais focos de engajamento e de união dos políticos. “É necessário que as emendas parlamentares sejam destinadas para o setor”, pontuou.

Responsável por uma das principais receitas do Estado, o turismo potiguar tem opções a serem descobertas que vão além das belezas naturais dos municípios litorâneos. No interior é possível conhecer engenhos centenários, açudes, tesouros arqueológicos e atrações que trazem a cultura regional através da gastronomia, música, história e costumes rurais.  É para fortalecer esse segmento”, defende o deputado Galeno Torquato.

Assembleia Legislativa Do RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

APODI: DNIT quer demolir residência e desapropriar moradores que se encontram as margens da BR 405 no Distrito de Melancias

D. Mariana Carvalho, que mora no Distrito de Melancias, zona rural do Apodi, Oeste do RN, está aflita. Está prestes a perder sua residência e ser desapropriada.
O DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura do Trânsito) está querendo demolir sua residência juntamente com a residência do Pr. Gilberto de uma congregação do Distrito.

D. Mariana nos conta que há 01 ano recebeu uma visita do DNIT, notificando sua residência e a residência do Pr. Gilberto. O DNIT alega que sua casa e a do pastor na na área territorial do DNIT.
Ora, qual é esse critério do DNIT para decidir a esse respeito? Dezenas de centenas de casas em Melancias encontram-se as margens da BR 405. Muitas distantes, 05, 07, 10 metros da BR. Em Apodi mesmo, inúmeros estabelecimentos comerciais e casar estão praticamente dentro da BR 405.
Segundo nos relatou D. Mariana, sua residência encontra-se distante 28 metros da BR 405 que corta o Distrito de Melancias. Bem mais distante que diversas outras casas e estabelecimentos comerc…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio