Pular para o conteúdo principal

Brasil, uma justiça com juízes iníquos

Reprodução. Imagem ilustrativa. 
Ao escolher Raquel Dodge para o cargo de procuradora-geral da República, Temer quebrou a tradição que vinha desde 2003 de indicar para o cargo o primeiro colocado da lista tríplice da eleição feita pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR). Raquel foi à segunda colocada, com 587 votos ante os 621 de Nicolao Dino.

Que atitudes esperar de uma senhora chamada tão rapidamente por um presidente em apuros e que está vendendo a alma para não perder o poder e ser preso?

Pergunto isso por que facilmente percebemos todo um conjunto de medidas da parte de do Planalto sendo tomada para estancar a sangria da lava jato (fim da força tarefa da PF em Curitiba, marcação de território no STF, dentre outros).

No STF, só a título de exemplo, Gilmar Mendes é preferido por Aécio Neves para julgar seus processos. O ministro foi gravado em conversas de áudios com Aécio. Este lhe pedindo favores.

Em Curitiba, temos certo juiz, Moro, que a principio tinha grande admiração, mas vejo que está usando duas medidas diferentes. Condenou Lula. Mas absolveu a esposa de Sérgio Cabral e Eduardo Cunha (PMDB), com meio mundo de provas. Eram para terem sido condenadas. Ambas, como Lula foi.

Agora estou certo que elementos como Aécio (PSDB), com provas irrefutáveis, sairão limbo disso tudo. Só a título de exemplo.


Além de termos uma justiça com leis falhas, temos uma justiça onde todos os indícios mostram que seus componentes são iníquos. Lamentável.  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

APODI: DNIT quer demolir residência e desapropriar moradores que se encontram as margens da BR 405 no Distrito de Melancias

D. Mariana Carvalho, que mora no Distrito de Melancias, zona rural do Apodi, Oeste do RN, está aflita. Está prestes a perder sua residência e ser desapropriada.
O DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura do Trânsito) está querendo demolir sua residência juntamente com a residência do Pr. Gilberto de uma congregação do Distrito.

D. Mariana nos conta que há 01 ano recebeu uma visita do DNIT, notificando sua residência e a residência do Pr. Gilberto. O DNIT alega que sua casa e a do pastor na na área territorial do DNIT.
Ora, qual é esse critério do DNIT para decidir a esse respeito? Dezenas de centenas de casas em Melancias encontram-se as margens da BR 405. Muitas distantes, 05, 07, 10 metros da BR. Em Apodi mesmo, inúmeros estabelecimentos comerciais e casar estão praticamente dentro da BR 405.
Segundo nos relatou D. Mariana, sua residência encontra-se distante 28 metros da BR 405 que corta o Distrito de Melancias. Bem mais distante que diversas outras casas e estabelecimentos comerc…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio