AMBIENTE: Secretaria orienta população quanto à presença de jacarés no município

Por Samara Sibelli

A Prefeitura de Encanto recebeu parecer técnico do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), na semana passada, em relação a vistorias realizadas em açudes municipais, ainda no mês de maio, por ocasião do aparecimento de um jacaré-do-papo-amarelo (Caiman latirostris) na comunidade Ponta da Serra.

No relatório, está constatada a existência de espécimes do animal em açude do Sítio Cantinho, o qual fica em uma propriedade privada. No documento, também estão propostas alternativas e fornecidas orientações acerca da diminuição do risco de acidentes/ataques a humanos, principal preocupação do Executivo.

Segundo a secretária da pasta ambiental do município, Patrícia Nogueira, não é possível fazer a captura desses répteis no seu criadouro, portanto, alguns questionamentos foram levantados pela secretaria, culminando em esclarecimentos e sugestões expostos no Parecer Técnico nº 2/2017, emitido pelo Centro de Triagem de Animais Silvestres em Natal.

Em uma das considerações, o destaque é dado ao Açude Público. “Em relação ao açude municipal, a distância existente entre o corpo d’água localizado no Sítio Cantinho dificilmente permitiria um deslocamento de animais entre os dois, sem antes ser avistado pela população”, assegura o relatório.

Patrícia, embora considerando a situação uma problemática, pois, de certo modo, amedronta os moradores, não vê o fato como uma anormalidade. “Essa situação não é só no Encanto. São em várias outras cidades que está acontecendo”, revelou.

Para a titular do Meio Ambiente, a resolutividade da questão na região está simplificada da seguinte forma: “O que o pessoal deve fazer é, se encontrar na cidade de Encanto, ligar para a secretaria [9 98117-3067]. Em outra situação, ligar para o Corpo de Bombeiros que eles fazem a captura, levam para o Ibama de Mossoró, que encaminha até o Ibama de Natal”.
Secretária de Comunicação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RETROSPECTIVA 2013/ 2016: APAMI e a gestão de Castelo

EM TEMPO: Reunião da APAMI – As contradições do chefe do executivo

Diretora administrativa da maternidade Claudina Pinto pede demissão

ABERRAÇÃO: Quem votou contra e quem votou a favor de mais desperdício de recursos públicos?

NOTA DE REPÚDIO AO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE APODI