Sem manipulação de áudios Temer

Reprodução.
Temer havia contrato um perito particular, Ricardo Molina, para fazer perícia em gravações de conversa entre ele e Joesley Batista. Como todo bom contratado Molina afirmou que haviam acontecido edições nos áudios.

No entanto, o laudo oficial, da perícia da Polícia Federal, que analisou as mesmas gravações, ou seja, da conversa entre o empresário Joesley Batista e o presidente Michel Temer aponta que não houve edição de conteúdo.

Assim, se formos analisar ao pé da letra Temer teria cometido mais um crime ao levantar o falso que houve manipulação nos diálogos. Não houve. Um agravante a mais para um dos políticos mais podres do país. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

POLICIAL: Mais um crime de homicídio em Apodi

DENUNCIA GRAVE CONTRA O PREFEITO É PROTOCOLADA

Prefeito Alan rebate denúncia sobre suposta contratação irregular e destaca: “ele vai ter que provar na Justiça”

PRESTAR INFORMAÇÕES FALSAS É CRIME E USO DA MÁ FÉ NA GESTÃO PÚBLICA