Prefeito de Apodi nomeia três novos secretários para Urbanismo, Assistência Social e Mulher

Crédito da foto: Josemário Alves.
Por Josemário Alves

Foram nomeados nesta terça-feira (06), os três novos secretários que irão preencher as pastas de Urbanismo e Transportes, Assistência Social e Mulher do município de Apodi. As vagas estavam desocupadas desde o final do mês passado. A nomeação foi publicada na edição desta terça do Diário Oficial dos Municípios.

De acordo com o prefeito Alan Silveira, os nomes foram escolhidos com base em critérios técnicos. O objetivo é garantir que os serviços das secretarias sejam executados com qualidade. “Escolhemos pessoas capacitadas nas suas respectivas áreas. Nosso entendimento é que, quando a pessoa conhece o assunto, consegue desenvolver um bom trabalho”, argumentou.

Para a Secretaria da Mulher, foi escolhido o nome da administradora Valdênia Cristina Farias de Morais, que estava no cargo de Assessora da Mulher. Já para a pasta de Desenvolvimento e Assistência Social, o prefeito optou por indicar a assistente social Isiany Aliny de Medeiros Nogueira Menezes. Ela já estava na secretaria, mas como membro do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Apodi.

Para a Secretaria de Urbanismo e Transportes, foi nomeado o cearense Alan de Melo Rodrigues. Ele trabalha no setor da construção civil há alguns anos e possui vasta experiência na área.

Os três nomes tomaram posse e já estão trabalhando, com o objetivo de dar continuidade às atividades que estão em curso. “Estamos prontos e a população pode confiar. Faremos o melhor possível para fazer nosso Apodi se desenvolver cada vez mais”, comentou o novo secretário Alan Rodrigues.

Assessoria de Comunicação Integrada

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Repórter Wilson Oliveira me passou informações preocupantes sobre situação da maternidade Claudina Pinto

Nota de esclarecimento

Vereador Gilvan Alves doa um mês de salário e, consegue revitalizar Caixa D'água de comunidade do Góis

CHARTON AVISA: “Para desespero de quem não tem zelo com o dinheiro público continuarei determinado no meu papel fiscalizador”, avisa Charton