Pular para o conteúdo principal

Criação de animais como membros da família faz mercado pet crescer em Apodi

Diferente da maioria dos setores da economia, o mercado de cuidados pets tem garantido boas vendas neste período de crise econômica, no município de Apodi.

Os dados apontam para um crescimento de cerca de 10% para 2017, acompanhando a estimativa nacional divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no ano passado.

De acordo com o médico veterinário e empresário Pollastry Diógenes, que mantém uma das maiores lojas agropecuárias e clínicas veterinárias da cidade, esse crescimento se deve às mudanças no comportamento dos donos de animais de estimação.

Hoje em dia, os pets são tratados como membros da família, e como estão em contato direto com eles, os donos acabam investindo mais na sua saúde, na alimentação, nos cuidados em geral”, explica.

É o caso da apodiense Fernanda Cristina. Ela destaca que cuida tanto da sua cadelinha Nina, que até a água que ela bebe é mineral, gelada e com cubos de gelo. “O que me faz ser tão cuidadosa é o amor que sinto por ela, por que ela é minha companheira”, comenta.

A estudante Jaiane Yasmin também mima como pode a sua gatinha Narizinho. Ela conta que que nunca precisou realizar exames caros, mas se precisasse, daria um jeito para conseguir fazer. “Tratamos ela como uma bebê”, acrescenta.

O veterinário Pollastry Diógenes diz que as maiores procuras na sua clínica são pelos tratamentos preventivos, como por exemplo, exames e vacinas. O motivo é o cuidado para não adquirir doença. “Assim como nós fazemos ao ir a posto de saúde, os donos fazem com seus bichinhos. Ninguém quer vê-los doentes”, conclui.
Êba! Agência de Mídia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio