UFRN e SESED unem esforços para combater a violência no RN

Por Sirleide Pereira

Soluções tecnológicas que reduzam os índices de violência no Rio Grande do Norte, fortaleçam as políticas públicas de segurança e devolvam a confiança à população foram discutidas na manhã desta quinta-feira, 04, pelos gestores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), direção e pesquisadores do Instituto Metrópole Digital (IMD), Pró-Reitoria de Pesquisa da UFRN (PROPESQ) e setores de inteligência da Polícia Civil e da Polícia Militar com a secretária Estadual de Segurança Pública e da Defesa Social do RN (SESED), Sheila Freitas.

A SESED deverá incorporar os aplicativos de tecnologia da informação desenvolvidos pelo Projeto SMART Metrópole, do IMD, capazes de impactar o trabalho de ronda, fiscalização, registros de ocorrências, os processos do ITEP e de delegacias.

A ideia é qualificar e agilizar as diligências, investigações, checagem de dados, cruzamento de informações, captura de fugitivos, como também prever áreas sensíveis a conflitos e dar soluções ágeis aos casos de homicídios. Ou seja, “usar a inovação em benefício da segurança de todos”, expôs a reitora Angela Maria Paiva Cruz, ao reafirmar o compromisso da instituição em relação à parceria com a SESED, “de modo que a tecnologia impacte, cada vez mais, na qualidade e produtividade da vida do povo potiguar”, realçou José Ivonildo do Rêgo, diretor do IMD, onde estudam três mil alunos e se desenvolve tecnologia de informação adquirida por mais de 60 órgãos e/ou instituições do Brasil.

A reitora adicionou que a UFRN demonstra sua disposição de contribuir com o conhecimento científico e tecnológico para melhorar as políticas de segurança. Atualmente, existem na universidade mais de 200 projetos de pesquisa e extensão que tratam das questões de violência, criminalidade, segurança pública e direitos humanos.

“Integrar os bancos de dados por meio da tecnologia” é a palavra-chave para compensar a carência de efetivos, segundo as polícias civil e militar. Corroborando as vantagens da parceria para as soluções expostas, a secretária de Segurança, Sheila Freitas, considera “essencial” a aquisição de TI por parte do Estado.

Ascom-Reitoria/UFRN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Repórter Wilson Oliveira me passou informações preocupantes sobre situação da maternidade Claudina Pinto

Nota de esclarecimento

Vereador Gilvan Alves doa um mês de salário e, consegue revitalizar Caixa D'água de comunidade do Góis

CHARTON AVISA: “Para desespero de quem não tem zelo com o dinheiro público continuarei determinado no meu papel fiscalizador”, avisa Charton