Pular para o conteúdo principal

MP Eleitoral defende cassação de duas vereadores de Ceará-Mirim

Ângela Aquino e Jumaria Mota extrapolaram os limites de gastos e tiveram seus diplomas cassados, mas recorreram e seguem nos cargos

O Ministério Publico Eleitoral emitiu dois pareceres favoráveis à manutenção da cassação dos diplomas das vereadoras de Ceará-Mirim Ângela Maria Medeiros Farias de Aquino e Jumária Souza Fernandes de Oliveira, conhecida como Jumaria Mota. Ambas incorreram na mesma irregularidade durante as eleições de 2016: desrespeitar o “teto” de gastos.

As ações de investigação judicial eleitoral contra as vereadoras foram ajuizadas em 20 de dezembro, um dia após a diplomação, pela Promotoria da 6ª Zona Eleitoral. Elas tiveram seus diplomas cassados em primeira instância, mas recorreram ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e seguem exercendo o mandato, até a decisão da corte.

O fato de terem extrapolado o limite de gastos de campanha estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é admitido por ambas, que tiveram, inclusive, suas prestações de contas rejeitadas. O TSE fixou em R$ 18.328,63 o “teto” de gastos para candidatos a vereador em Ceará-Mirim, nas últimas eleições. Ângela Aquino ultrapassou esse limite em mais de 50%, exatos R$ 9.450,03, e Jumaria Mota em aproximadamente 39% (R$ 7.189,69).

Para o procurador regional Eleitoral, Kleber Martins, autor dos pareceres, não há dúvida de que “além de violar as regras de arrecadação e gastos de campanha”, as duas se colocaram “em posição extremamente favorável em relação aos seus adversários, os quais teriam observado o mesmo teto”. Ângela e Jumaria alegaram, em suas defesas, que o desrespeito aos limites teria ocorrido devido a um “desconhecimento de sua assessoria contábil” e não teria havido má-fé, tanto que ambas incluíram os gastos em suas prestações de conta.

O entendimento de Kleber Martins, no entanto, é de que, se a Justiça Eleitoral admitir esse tipo de argumento, de nada irá valer a fixação dos “tetos” de gastos. Os candidatos ficariam “livres” para efetuar despesas muito superiores aos limites legais, bastando para isso incluir os valores em suas prestações de contas, tendo como sanção o simples pagamento de multas.

Os dois pareceres do MP Eleitoral reforçam: “A realidade (…) tem demonstrado que, notadamente nos pequenos municípios interioranos, ganha as eleições quem ostentar a maior disponibilidade financeira para gastar na respectiva campanha eleitoral. E foi justamente por essa razão que se instituiu os limites legais de gastos de campanha.”

Os recursos eleitorais tramitam no TRE sob os números 751-46.2016.6.20.0006 (Ângela Aquino) e 752-31.2016.6.20.0006 (Jumaria Mota).

Assessoria de Comunicação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CURIOSIDADE: O sexo no mundo animal – tamanho do pênis

Na natureza, tamanho pode ser documento. A notícia que uma lula encontrada nas Ilhas Malvinas tem um pênis do comprimento do seu corpo causou certo espanto, mas ela está longe de ser exceção.

O homem Nesta proporção também se enquadra o homem. Em média, o tamanho médio dos pênis varia entre 12 e 15 centímetros em estado ereto, apesar de depender de diversos fatores como raça, biotipo, genética e tamanho da pessoa.
Portanto, não há uma definição específica para o tamanho do Pênis na nossa espécie. Segundo a enciclopédia científica, pênis apenas com 7 cm ou menos em estado de ereção são considerado pequenos.
A baleia-azul
A baleia-azul (Balaenoptera musculus), que chega a ter mais de 30 metros de comprimento, é considerada pelos cientistas a espécie mais bem dotada do reino animal, pelo menos em termos absolutos: o órgão sexual de um macho adulto atinge mais de 2 metros de comprimento -- mas isso significa apenas 7% do tamanho de seu corpo.
A Lula Na natureza, o tamanho do aparelho reprod…

ENQUETES: Enquetes mostram pouca reprovação do gestor Alan Silveira

Tudo bem que enquetes não representam o pensamento cientifico estatístico na sua essência, no entanto, elas, servem como um pré-parametro, podemos assim dizer, para termos uma base de um pleito.
E elas, as enquetes, nos dão uma ideia da pouca ou quase nenhuma reprovação do prefeito do Apodi, Alan Silveira, nesse inicio de campanha aqui em Apodi. Enquetes aponta larga vantagem de Alan Silveira.  Pelo menos todas que já li assim mostram.
Agora é esperar pelas primeiras pesquisas devidamente registrada no TRE, que possuem um valor cientifico mais apurado para confirmação.

NOTA DE PESAR: Faleceu Isaias

Cleber Isaías, foi a 30º vítima de covid em Apodi. Talvez por esta ligado a família foi a perda que mais nos deixou sentimento. 
A vida impôs desafios a Isaias, ele aceitou e os enfrentou com muita honra. Seu alto astral nos serviu como um espelho para a vida. Difícil encontrar uma foto sua séria para colocar em momento solene como esse. 
Meus mais sinceros sentimentos ao amigo Filhinho, pai de Isaias e família.

RECURSOS HÍDRICOS: Dessalinizadores implantados pela Semarh garantem água potável à famílias do semiárido

Levar o acesso à água potável e de boa qualidade para o consumo humano é uma das premissas do Governo do RN e para alcançar esse objetivo a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) prossegue implantando sistemas de dessalinização de água no interior potiguar. Na atual fase do Programa Água Doce (PAD), iniciada na gestão da governadora Fátima Bezerra, já foram instaladas 23 tecnologias que atenderão a mais de 5 mil pessoas no semiárido.
Ter água doce em casa diariamente era o sonho das 160 famílias da comunidade Logradouro, em Porto do Mangue. Para a moradora Jaqueline Costa, a máquina chegou para mudar completamente a vida dos moradores. “Sem água doce aqui a gente tinha que comprar água mineral com um custo alto. Nossa saúde e qualidade de vida vão melhorar bastante” comemora Jaqueline, que também é a operadora do sistema.
Para o secretário de estado do meio ambiente e dos recursos hídricos, João Maria Cavalcanti, o PAD é um dos programas mais bonitos exec…

PRÉ-CAMPANHA: MDB no corpo a corpo

Percorrendo casas de pessoas simples, como nunca deixou de fazer. O atual prefeito do Apodi Alan Silveira e seu vice Neilton Diógenes nesse período de pré-campanha estão firmes e fortes em seu projeto de reeleição.