Mães são indispensáveis para formação dos filhos

Mãe e filho/pixabay
Por Magnos Alves

O papel da mãe na formação dos filhos vai bem além da relação de amor que existe entre eles.

A psicóloga Naara Rebouças, do Hapvida, destaca que a mãe é de suma importância para o desenvolvimento do seu filho e para que ele cresça e se constitua enquanto ser no mundo. “A criança, quando nasce, está totalmente vulnerável a tudo. Desse modo, sua mãe é o principal vínculo de subsistência no mundo externo, ou seja, é ela quem amamenta quando o bebê sente fome, ela quem olha, dá atenção, aconchego, enfim, é ela quem atende as demandas do bebê e suas necessidades”, ressalta.

Naara Rebuças acrescenta que a mãe é responsável por “organizar” a vida do bebê e também por possibilitar sua construção diante do mundo. “Um dos principais pontos na relação mãe e filho é a alimentação. Desse modo, amamentar não serve apenas como meio de saúde e alimento para o bebê, mas também para o bom desenvolvimento emocional da criança”, observa.

A profissional explica ainda que a mãe serve como fonte de confiança, amor, afeto, socialização, proteção, comunicação e limites para as crianças. “Portanto, servem como agente facilitador na relação da criança com o meio externo. A partir dessa relação fundamental e ímpar, as crianças aprendem a lidar com as adversidades ao longo da vida”, destaca Naara Rebouças.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

POLICIAL: Mais um crime de homicídio em Apodi

DENUNCIA GRAVE CONTRA O PREFEITO É PROTOCOLADA

Prefeito Alan rebate denúncia sobre suposta contratação irregular e destaca: “ele vai ter que provar na Justiça”

PRESTAR INFORMAÇÕES FALSAS É CRIME E USO DA MÁ FÉ NA GESTÃO PÚBLICA