Pular para o conteúdo principal

UTILIDADE PÚBLICA: Cosern esclarece dúvidas de consumidores sobre desligamentos de energia elétrica

Por Paulo Araújo

Você já parou para se perguntar por que falta energia elétrica? Um desligamento pode acontecer por diferentes razões e é importante conhecer as principais características dos seis tipos mais comuns. A seguir, a Cosern esclarece cada um:

1 – DESLIGAMENTOS ACIDENTAIS:

São aqueles causados por:
  • Chuvas fortes, ventos e raios;
  • Batidas de veículos em postes, erosão no solo ou abertura de crateras;
  • Galhos de árvores e outros objetos na rede elétrica;
  • Atos de vandalismo.
  • Nestes casos, o sistema de proteção da rede elétrica da Cosern desliga automaticamente o fornecimento para evitar riscos às instalações e às pessoas. Nessas situações, mantenha distancia da rede, ligue para o telefone 116 informando a ocorrência e aguarde o reestabelecimento da energia.

2 – DESLIGAMENTOS PROGRAMADOS:
Para que as equipes da Cosern realizem serviços de manutenção e melhoria na rede elétrica, algumas vezes o fornecimento de energia no local precisa ser interrompido por alguns instantes. Estes desligamentos são previamente avisados e geralmente acontecem em dias e horários que provoquem o mínimo de transtorno possível aos consumidores. Outra opção é enviar um SMS para o número 26560, digitando apenas o número da conta contrato (para facilitar, salve-a no bloco de notas do seu smartphone).

3 – POR SOLICITAÇÃO DO CLIENTE:
Você mesmo pode solicitar o desligamento por meio dos canais de atendimento ao cliente da Cosern nas seguintes situações:
  • Em caso de desocupação de um imóvel por tempo indeterminado, é aconselhável pedir o desligamento de energia.
  • Caso você se mude, ou vendo o imóvel, solicite o desligamento para que o próximo usuário não utilize a energia gerando débitos em seu nome.

4 – INADIMPLÊNCIA
O fornecimento de energia elétrica de um consumidor pode ser suspenso se a conta de luz não for paga. O desligamento pode acontecer 15 dias após o aviso de existência do débito, que aparece na própria conta de energia.

5        – IRREGULARIDADES
A Cosern pode, legalmente, suspender o fornecimento em casos de instalações elétricas irregulares ou que ofereçam riscos à segurança das pessoas;

6 – PROBLEMAS INTERNOS NO IMÓVEL
Se apenas o seu imóvel fica sem energia elétrica, pode ter havido um defeito interno ou sobrecarga na instalação (mal dimensionadas ou deterioradas). Neste caso, a chave geral (ou disjuntor) desliga automaticamente. Um eletricista particular deve ser acionado para normalizar a instalação.
Comunicação Institucional e Sustentabilidade

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio