TAIS BRINCANDO? Henrique Alves diz não saber origem de US$ 833 mil em sua conta

Reprodução.
O ex-ministro e ex-presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) reconheceu, em defesa apresentada à Justiça Federal de Brasília, que usou um escritório de advocacia uruguaio para abrir uma conta na Suíça em 2008.

Admitiu também que é formalmente o beneficiário da conta. Mas, argumentou que, por motivos burocráticos, não conseguiu movimentá-la e preferiu deixá-la inativa.

Assim, alegou que os US$ 832.975,98 depositados na conta — e que segundo a Procuradoria Geral da República (PGR) era dinheiro de propina — foram movimentados por terceiros, sem seu conhecimento.
Nota:
[ALEGAÇÃO]: “Alegou que os US$ 832.975,98 depositados na conta, foram movimentados por terceiros, sem seu conhecimento”. Ah! Fala sério? Tais brincando? 

Comentários

  1. No pais que muitos defende corruptos e diz que a justiça estar errada os politicos brincam com nossa inteligencia kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Repórter Wilson Oliveira me passou informações preocupantes sobre situação da maternidade Claudina Pinto

Nota de esclarecimento

Vereador Gilvan Alves doa um mês de salário e, consegue revitalizar Caixa D'água de comunidade do Góis

CHARTON AVISA: “Para desespero de quem não tem zelo com o dinheiro público continuarei determinado no meu papel fiscalizador”, avisa Charton