POLICIAL: Homem que atirou em promotor do MPRN se entregou e não comentou a motivação do crime

Crédito da foto Junior Santos/Tribuna do Norte.
Guilherme Wanderley Lopes Da Silva, 44 anos, que efetuou disparos na manhã desta sexta-feira (24), na sede do Ministério Público do Estado, contra Procurador-Geral de Justiça Rinaldo Reis, o Procurador-Geral de Justiça Adjunto Jovino Pereira Sobrinho, e o Coordenador Jurídico Wendell Beetoven se entregou no início da tarde deste sábado (25), na Central de Flagrantes.

Guilherme Wanderley preferiu ficar em silêncio na maior parte do depoimento à Polícia Civil, no entanto negou já ter sido internado em algum hospital psiquiátrico para algum tipo de tratamento. Ele ficará detido no Centro de Detenção Provisória da Ribeira onde ficará à disposição da Justiça.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PROCESSO ARQUIVADO: Nada de irregularidades com a APAMI

Os maiores açudes do Nordeste

CURIOSIDADE: O sexo no mundo animal – tamanho do pênis

CELEBRIDADES: A mãe do filho de Neymar, bonita e bem paga

Secretaria de assistência social do município do Apodi afirmou que despesas do CRAS impedem festa das crianças