LAVA JATO: Tomando por base a forma de pagamento a maioria dos investigados está inocentada

Imagem reprodução.
Na lava jato vemos na atualidade uma marcação de território da parte daqueles que estão sendo investigados. Pessoas certas foram colocadas nos cargos certos, para no momento certo fazer o protecionismo. Por isso que abrem a boca e dizer: “tem que investigar mesmo”. Estão tranquilos.

Além disso, tem um complicador a mais. Se a justiça for se basear na forma como aconteciam pagamentos nunca vai haver provas. Dinheiro vivo, em mochilas, maletas, disfarçadas. Baseando-nos pelos depoimentos de delatores na lava jato, a maioria dos pagamentos era feitos em bufunfa, grana viva. Quando havia depósito, acontecia em contas no exterior, onde tem investigado ai dizendo que a conta nem sua era ou não se sabe como o recurso parou na conta.

Por isso que a bandidagem que esta sendo investigada na operação abre a boca e fala: “Todas as doações que recebemos foram declaradas a justiça”. Certo. O legalizado. O Caixa 2 não. Se a justiça for se basear na forma como aconteciam pagamentos nunca vai haver provas.

Como rastrear um dinheiro pago em grana viva sem uma filmagem? Sem passar por bancos? Se forem levar isso em consideram serão todos inocentados por falta de provas. Por mais que alguém delate ‘será a palavra do acusador contra a do acusado’.

A bandidagem da política nacional para roubar se mostra muito organizada. Dão inveja ao PCC. Tenho a opinião que esse negócio da lava jato já virou um jogo de cartas marcadas. Tudo uma farsa. Muito supostamente vão punir apenas quem deve ser punido. Quem não deve estar livre para continuar. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

POLICIAL: Mais um crime de homicídio em Apodi

PRESTAR INFORMAÇÕES FALSAS É CRIME E USO DA MÁ FÉ NA GESTÃO PÚBLICA

“Esse Prefeito é incapaz de administrar até uma bodega”. Nilson de João Lucas, agosto de 2013

DENUNCIA GRAVE CONTRA O PREFEITO É PROTOCOLADA