DENÚNCIA: Prefeito Carlos Eduardo teria provocado “rombo” de R$ 80 milhões na previdência

Vereadora encontra “fortes indícios” de que gestão municipal recolheu contribuição previdenciária dos servidores, mas não depositou os recursos no NATALPREV

Imagem reprodução. 
A vereadora Natália Bonavides (PT) protocolou na tarde desta terça-feira 14 na Câmara Municipal três requerimentos que pedem a apuração de um possível déficit de cerca de R$ 80 milhões no Fundo de Previdência dos Servidores do Município de Natal.

O pedido ocorre após a vereadora detectar “fortes indícios” de que a administração de Carlos Eduardo Alves (PDT) recolheu, durante o ano de 2016 e os dois primeiros meses de 2017, a contribuição previdenciária dos servidores, mas não repassou a verba para o Fundo de Previdência como deveria. A vereadora não conseguiu apurar aonde os recursos teriam sido aplicados indevidamente.

É possível constatar fortes indícios de irregularidades, conforme análise dos Relatórios de Execução Orçamentária referentes aos exercícios de 2015 e 2016, bem como nos Relatórios de Investimentos dos Recursos Previdenciários anuais”, traz um trecho do requerimento obtido com exclusividade pelo Agora Jornal. “Verifica-se uma evolução de rendimentos inteiramente incompatível com o crescimento do valor das contribuições previdenciárias no último período e com a convocação de centenas de concursados em 2016”, complementa. LEIA MAIS...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

POLICIAL: Mais um crime de homicídio em Apodi

POLICIAL: Acidente na BR 405 centro do Apodi

A saga do Prefeito Alan que só quer culpar os outros

“Esse Prefeito é incapaz de administrar até uma bodega”. Nilson de João Lucas, agosto de 2013