ASTRONOMIA: Prova de vida? Estudo sugere que Marte já foi coberto por água

Imagem: NASA
Marte pode ter tido muito mais água do que imaginávamos, apoiando a ideia de que o Planeta Vermelho já abrigou a vida, em algum momento de sua história.

Um novo estudo descobriu que um mineral – millerita – encontrado em meteoritos marcianos, pode não ser uma prova de que Marte seja um planeta seco, em absoluto.
Os pesquisadores acreditavam que o mineral pode ser um indício de um planeta Marte seco, em sua antiguidade, mas cientistas da Universidade de Nevada, nos Estados Unidos, sugerem que ele pode ter sido formado a partir de outro mineral (whitlockite) após um choque decorrente de uma ejeção.

De acordo com os pesquisadores, que simularam o efeito através de experimentos no Advanced Light Source (ALS) do laboratório de Berkeley, na Califórnia, a presença de whitlockite pode indicar um histórico rico em água no planeta.

Isso é importante para deduzir quanta água pode ter existido em Marte, e se esta água era originalmente de lá, e não de cometas ou meteoritos,” disse Martin Kunz, cientista de Berkeley.

Se uma parte da millerita fosse whitlockite antes, isso mudaria dramaticamente o panorama da água em Marte,” disse Oliver Tschauner, da Universidade de Nevada (UNLV).

A questão aqui diz respeito à água em Marte e a seu histórico inicial no planeta: será que em algum momento houve um ambiente que favoreceu a formação da vida em Marte?”

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ENTREVISTA: Professor Bruno Coriolano concede entrevista ao Blog

Repórter Wilson Oliveira me passou informações preocupantes sobre situação da maternidade Claudina Pinto

Vereador Gilvan Alves doa um mês de salário e, consegue revitalizar Caixa D'água de comunidade do Góis

Nota de esclarecimento