Pular para o conteúdo principal

Vale Luz Cosern recolhe 154 toneladas de resíduos sólidos e gera economia de R$ 42 mil na conta de energia de mais de 1.000 consumidores

Por Paulo Araújo

Lançado no final de 2013, o projeto Vale Luz Cosern, que integra o Programa de Eficiência Energética do Grupo Neoenergia, regulado pela ANEEL, chegou ao final do terceiro ano recolhendo 154 toneladas de resíduos sólidos recicláveis em Natal, promovendo assim mais de R$ 42 mil em descontos na conta de energia de 1.009 consumidores que participam do projeto (veja como participar abaixo).

O Vale Luz Cosern atende hoje dez bairros de Natal com um caminhão, que serve como ponto de coleta dos materiais (veja abaixo e em anexo a programação em cada bairro).

São aceitos na coleta itens como:
  •  Metal (latas de alumínio de cerveja e refrigerante, ferro e sucata de automóveis);
  • Papel branco (folhas de ofício, folhas de caderno, notas fiscais, provas, apostilas e rascunhos);
  • Jornais, revistas e caixas de papelão em geral;
  • Plásticos (embalagem de detergente, água sanitária, garrafas PET, baldes, botijão de água mineral e engradado);
  • Tetrapak (caixas de leite, sucos e demais embalagens longa vida).
Cada tipo de resíduo possui um valor específico por quilo, que gera o desconto equivalente na conta de energia. Além de disponibilizar desconto na fatura de energia dos participantes, o projeto estimula a coleta seletiva de resíduos sólidos, encaminhados para Natal Reciclagem, empresa parceira do projeto. A ação possibilita a redução de impactos ambientais causados pelo não desperdício do material que seria jogado no lixo e que poderia levar centenas de anos para se decompor.

Como funciona o Projeto Vale Luz Cosern – Para participar do projeto, o consumidor deve-se dirigir ao caminhão Vale Luz Cosern, que visita quinzenalmente os bairros de Nossa Senhora da Apresentação, Felipe Camarão, Lagoa Azul, Potengi, Pajuçara, Planalto, Igapó, Alecrim, Quintas e Bom Pastor, levando os resíduos separados e limpos  e apresentando uma conta de energia.

O agente do projeto Vale Luz realiza o cadastro do cliente, analisa, pesa o material e emite o valor do desconto. O crédito referente ao peso do resíduo é enviado ao setor de faturamento da Cosern para lançamento do desconto na próxima fatura de energia do beneficiado.

Vale ressaltar que não existe limite para o desconto e o consumidor pode obter 100% de abatimento na fatura de energia. Caso o valor do crédito da pesagem ultrapasse o valor total da conta, o crédito restante será abatido no mês seguinte.
Departamento de Comunicação Institucional e Sustentabilidade | CSU

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

APODI: DNIT quer demolir residência e desapropriar moradores que se encontram as margens da BR 405 no Distrito de Melancias

D. Mariana Carvalho, que mora no Distrito de Melancias, zona rural do Apodi, Oeste do RN, está aflita. Está prestes a perder sua residência e ser desapropriada.
O DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura do Trânsito) está querendo demolir sua residência juntamente com a residência do Pr. Gilberto de uma congregação do Distrito.

D. Mariana nos conta que há 01 ano recebeu uma visita do DNIT, notificando sua residência e a residência do Pr. Gilberto. O DNIT alega que sua casa e a do pastor na na área territorial do DNIT.
Ora, qual é esse critério do DNIT para decidir a esse respeito? Dezenas de centenas de casas em Melancias encontram-se as margens da BR 405. Muitas distantes, 05, 07, 10 metros da BR. Em Apodi mesmo, inúmeros estabelecimentos comerciais e casar estão praticamente dentro da BR 405.
Segundo nos relatou D. Mariana, sua residência encontra-se distante 28 metros da BR 405 que corta o Distrito de Melancias. Bem mais distante que diversas outras casas e estabelecimentos comerc…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…