Pular para o conteúdo principal

Praça Dom José Freire

Clique para ampliar. Reprodução: Tudo do Apodi.
Localizada no Centro da cidade de Apodi/RN, também conhecida como "Praça da Matriz".

A antiga Praça Getúlio Vargas mudou de nome através da lei municipal Nº 1050/2015 de 16 de dezembro de 2015, aprovada pela Câmara Municipal de Apodi e sancionada pelo Prefeito Flaviano Monteiro, no ano de 2015, que mudou o nome de "Praça Getúlio Vargas" para "Praça Dom José Freire". Em uma homenagem ao apodiense Dom José Freire de Oliveira Neto.

Dom José foi o primeiro apodiense a se ordenado Bispo da Diocese de Mossoró. Foi o 5º Bispo da Diocese de Santa Luzia de Mossoró, atuando de 1984 a 2004. Em 2004, tornou-se bispo emérito. Faleceu em Mossoró, no dia 10 de janeiro de 2012, aos 83 anos de idade. Uma justa homenagem do povo de Apodi para um de seus filhos mais ilustres.

A praça abriga ainda a Estátua do Bispo Dom José de Oliveira Neto e a nova sede própria da Biblioteca Pública Municipal Válter de Brito Guerra. A Praça Dom José Freire foi inaugurada às 18 hs do dia 22 de dezembro de 2016 pelo prefeito municipal de Apodi, Flaviano Moreira Monteiro. 

Sobre o apodiense Dom José Freire
Natural de Apodi/RN , nascido em 09 de março de 1928. Seus estudos primários, foram em sua terra natal.

Nos anos de 1944 a 1949, Dom José fez o curso ginasial no Seminário Santa Teresinha, em Mossoró/RN. De 1950 a 1952, cursou Filosofia no Seminário Central de São Leopoldo (RS), seguindo, logo após, para Roma, na Itália, onde cursou Teologia na Pontíficia Universidade Gregoriana.

Além de licenciatura em Teologia pela Pontifícia Universidade Gregoriana, Dom José Freire fez mestrado em Ciências da Educação, com especialização em Catequese, pela Pontifícia Universidade Salesiana de Roma.

Em Mossoró, desempenhou as funções de professor, capelão, Presidente do Instituto Amantino Câmara, Reitor do Seminário Santa Teresinha, Diretor do Colégio Diocesano Santa Luzia e Vigário Episcopal das Religiosas.


Até se tornar bispo emérito de Mossoró, Dom José Freire teve uma trajetória marcada por nomeações de expressão na Igreja Católica. Em 22 de setembro de 1956, foi ordenado presbítero, em Roma, por Dom Luís Luigi Traglia.


Já no dia 3 de novembro de 1973 foi eleito Bispo Auxiliar de Mossoró, recebendo sagração episcopal no dia 2 de junho de 1974, na Capela do Pontifício Colégio Pio Brasileiro, em Roma, sendo Dom Gentil Dinis Barreto o bispo consagrante. 


No dia 18 de julho 1975, Dom José foi apresentado à Diocese de Mossoró, em solenidade na Catedral de Santa Luzia. Em 1979, foi nomeado bispo coadjutor. Assumiu ainda interinamente o governo diocesano em 14 de março de 1984, por ocasião da renúncia de Dom Gentil Diniz Barreto. CONTINUE LENDO...

Comentários

  1. Houve um pequeno equívoco na postagem. Foi chantado um busto. Estátua é quando reproduz o corpo inteiro. Feliz 2017 - Feliz ANO BOM. Forte abraço.

    ResponderExcluir
  2. Há muito tempo que era para ter sido corrigido esse estupro na história de Apodi, posto que Getúlio Vargas nunca sequer soube onde e em que estado do Brasil situava-se a cidade de Apodi. Antes tarde do que nunca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho comigo a opinião que o nome de muitas ruas ou até bairros do Apodi deveriam ser mudados de nomes. Muitas possuem nomes que não tem nada a ver com Apodi.

      Deveriam ter nomes de vultos que foram fundamentais na história do Apodi. Sejam alusivos a pessoas, a fauna, a flora, ou coisas diretamente ligadas a história do Apodi.

      A nova câmara poderia ver isso. Na minha modesta opinião.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio