E lá vêm alguns Chefes de massacre em presídio no AM para presídio federal do RN

Foto: Reprodução/Rede Amazônica
Um total de 17 detentos do Amazonas embarcou para presídios federais no fim da manhã desta quarta-feira (11). Um comboio da Polícia Militar acompanhou o traslado dos presos até o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus.

Segundo o Comitê Estadual de Gerenciamento de Crise do Sistema Penitenciário, que reúne representantes dos órgãos do sistema de Segurança Pública e de Administração Penitenciária, os detentos remanejados são suspeitos de ter comandado e participado dos assassinatos de pelo menos 60 internos do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e da Unidade Prisional do Puraquequara (UPP) nos primeiros dias do ano.

Entre os presos transferidos está Márcio Ramalho Diogo. Conhecido pelo apelido de Garrote, Diogo já havia sido citado pelo titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros, delegado Ivo Martins, como um dos primeiros sete primeiros detentos identificados como “autores intelectuais e também materiais” da chacina do Compaj.

O presídio federal do RN será contemplado com parte desse plantel que está sendo transferido de Manaus.

Confira relação de transferidos e respectivos crimes pelos quais foram condenados:
Transferidos
Crime(s)
Adailton Farias da Silva
 Homicídio
André Said de Araújo
Tráfico de drogas, associação para o tráfico e roubo
Cláudio Dayan Felizardo Belfort
Tráfico de drogas, roubo, e posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito
Demetrio Antônio Matias
Homicídio
Eduardo Queiroz de Araújo 
Tráfico de drogas e associação para o tráfico
Fábio Palmas de Souza
 Homicídio e Tráfico de drogas
Gileno Oliveira do Carmo 
Tráfico de drogas
Heuliton Cabral dos Santos
Tráfico de drogas e associação para o tráfico
Janes do Nascimento Cruz
Tráfico de drogas e associação para o tráfico
João Ricardo Santos da Costa
Tráfico de drogas
José Bruno de Souza Pereira
Latrocínio
Lenon Oliveira do Carmo
Tráfico de drogas e associação para o tráfico
Márcio Ramalho Diogo
Roubo e Tráfico de drogas
Reginaldo Muller Neto
Tráfico de drogas
Rivelino de Melo Muller
Tráfico de drogas
Wilson Guimarães Fernandes
Homicídio
Florêncio Nascimento Barros
Roubo
Com informações da Agência Brasil

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

ABERRAÇÃO: Quem votou contra e quem votou a favor de mais desperdício de recursos públicos?

Diretora administrativa da maternidade Claudina Pinto pede demissão

EM TEMPO: Reunião da APAMI – As contradições do chefe do executivo

NOTA DE REPÚDIO AO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE APODI

Zelo pelo recurso público né? Sei!