“Baderneiros desqualificados”, afirma prefeito de Natal com relação a ocupação de sindicalistas

Reprodução.
Depois da ocupação realizada no prédio da Secretaria Municipal de Administração (Semad) na manhã desta terça-feira (10), liderada por membros do Sinsenat, Sindern, Soern, SindSaúde e SindGuardas, o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), foi ao Twitter para criticar a ação dos sindicalistas.

Através do microblog, o chefe do executivo municipal reafirmou o compromisso de pagamento dos 30% restantes da folha de dezembro para esta quarta-feira (11) e lamentou a ação dos sindicalistas na última terça, que segundo a Prefeitura, ‘impediu’ o repasse dos valores aos bancos naquela ocasião.

Pagamos hoje os 30% restantes da folha de dezembro, conforme anunciamos no início da semana. Dirigentes sindicais, mesmo sabendo que pagaríamos a folha, invadiram arbitrariamente a secretaria em ato politiqueiro. Dirigentes sindicais agrediram fisicamente alguns servidores e os casos foram para a delegacia e para a Procuradoria de Justiça”, escreveu o prefeito.

Para Carlos Eduardo, os sindicalistas estão confundindo as bandeiras que representam com partidos políticos e isso tem gerado desgaste na categoria. “Dirigentes sindicais confundem sindicato com seus partidos, transformando-se em verdadeiros baderneiros desqualificados”, completou.

Até o fechamento desta reportagem, nenhum sindicato havia se pronunciado quanto as declarações do prefeito de Natal.
Reprodução,

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CELEBRIDADES: A mãe do filho de Neymar, bonita e bem paga

CURIOSIDADE: O sexo no mundo animal – tamanho do pênis

A jaramataia e as incertezas de sua eficiência

Fim de linha também para Castelo Torres

Magnólia Figueiredo fala da importância do combate ao câncer de mama na assembleia legislativa