Abatedouro do Apodi, o mesmo problema de a 20 anos atras, é o mesmo de ontem e de hoje. Isso por que....

Arquivo: Abatedouro Apodi/ 2013. Clique para ampliar.
Reprodução
Era o dia 04 de Janeiro de 2013. A gestão recém passada acabara de assumir a prefeitura das mãos da agora gestão do PMDB, na época no poder a 20 longos anos.

Naquela oportunidade, uma matéria nos dava agonia. Mostrava as condições precárias do abatedouro publico do Apodi (CLIQUE AQUI e relembre aquela matéria).

Abatedouro Apodi/ 2016. Clique para ampliar.
Imagem reprodução.
Hoje, 02 de Janeiro de 2016. Logo que assumiu, uma equipe de comunicação da novamente gestão do PMDB, supostamente mal tomou o café da manhã e já amanheceu no abatedouro.

Obviamente a coisa não mudou, do jeito que era antes é hoje. É um problema de tão difícil resolução que não se resolveu em 20 anos, avaliem em 04 anos. (CLIQUE AQUI nas imagens de hoje e veja). 

Essas imagens do abatedouro foram mostradas exaustivamente durante todo o mandato da recém ex-gestão Flaviano/Zé Maria, quando a antiga oposição, hoje situação, explorava os fatos corriqueiramente na tentativa de buscar o poder de volta (e de fato obtiveram êxito).

As imagens do abatedouro hoje rolam nos grupos como se alguém tivesse descoberto a fórmula da coca cola. O que há de novo nessas imagens? Nada. Vereadores como Ângelo Suassuna e seus parceiros praticamente moraram dentro desse abatedouro de 2013/2016 explorando essa situação. 

Já disse aqui outras vezes. A questão do abatedouro público do Apodi será uma eterno problema caso outro, em outra aérea (terreno), com outra estrutura, ecologicamente correto  não seja construído. Não adianta só mostrar imagens como uma suposta postura de desforra ou como se o problema fosse sempre recente. 

Caso não aconteça a construção de outro abatedouro com as características que descrevi, prolema persistirá. Pois, trata-se de um problema estrutural crônico. Esse abatedouro foi construído totalmente errado, ecologicamente errado no passado. Está ultrapassado.

Se outro não for construído, daqui a um ano, se fizerem novas imagens, o problema vai estar lá. Assim como aconteceu em 04 de Janeiro de 2013 e no dia de hoje, 02 de Janeiro de 2016.

Quem sabe se com tantos Royalties entrando agora nos cofres da PMA o problema não seja solucionado. Hum? Quem praticamente morou dentro do abatedouro deve estar muito focado em solucionar o problema.

Comentários

  1. Essa pocilga deve ser fechada, imediatamente. Devemos substituir a carne por legumes, frutas e folhas...de hortelã.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

ENTREVISTA: Professor Bruno Coriolano concede entrevista ao Blog

Repórter Wilson Oliveira me passou informações preocupantes sobre situação da maternidade Claudina Pinto

Vereador Gilvan Alves doa um mês de salário e, consegue revitalizar Caixa D'água de comunidade do Góis

Nota de esclarecimento