Pular para o conteúdo principal

EXEMPLAR: Vereadora Eleika coloca parlamento Brasileiro em saia Justa economizando R$ 372 mil em verba de gabinete e indenizatória

Foto: Elpídio Júnior
Por Juliana Manzano

A vereadora Professora Eleika Bezerra (PSL) economizou, durante todo o seu primeiro mandato, R$ 372.284,21 – o que representa 44% – do montante total de R$ 840 mil disponíveis para cada vereador utilizar com gastos com material de expediente, limpeza, consumo, telefones, combustíveis e serviços durante o período de janeiro de 2013 a dezembro de 2016.

De janeiro de 2013 até junho de 2014, cada vereador teve R$ 306 mil disponíveis para utilização comoverba de gabinete. Deste valor, Professora Eleika gastou R$ 117,7 mil e, o restante, equivalente a R$ 154,3 mil, foi devolvido aos cofres da Prefeitura Municipal do Natal. Neste período, cada parlamentar recebia R$ 17 mil para gastos com os fins já especificados.

No período de julho de 2014 até dezembro de 2016, a fonte de recursos foi alterada e cada vereador teve R$ 534 mil disponíveis de verba indenizatória, cujo ressarcimento é realizado apenas pelo que foi efetivamente gasto pelo Gabinete de cada um dos 29 parlamentares. Professora Eleika foi a única a economizar este recurso, gastando o total de R$ 316 mil e obtendo a economia de R$ 217,9 mil.

Sendo assim, ao total foram disponibilizados R$ 840 mil, sendo utilizados R$ 576,6 mil e resultando em uma economia total de R$ 372,2 mil, o que representa 44% do total.

Já o salário da vereadora Professora Eleika Bezerra, como prometido em campanha, foi doado integralmente desde o primeiro mês de mandato a algumas instituições. As prestações de contas podem ser conferidas no site da parlamentar (www.professoraeleika.com.br).

ANO
PERÍODO
TIPO DE RECURSO
DISPONIVEL
RECEBIDO
GASTO
SALDO
2013
Janeiro a dezembro
Verba de Gabinete
204.000,00
170.000,00
66.540,32
103.459,68
2014
Janeiro a junho
Verba de Gabinete
102.000,00
102.000,00
51.149,98
50.864,44
2014
Julho a dezembro
Verba Indenizatória
102.000,00
57.551,98
57.551,98
44.448,02
2015
Janeiro a dezembro
Verba Indenizatória
216.000,00
125.326,80
125.326,80
90.673,20
2016
Janeiro a dezembro
Verba Indenizatória
216.000,00
133.161,13
133.161,13
82.838,87
TOTAL


840.000,00
576.672,66
422.362,96
372.284,21

2013- foi devolvido à Conta Única da PMN ................................R$103.459,68
2014- 1º. Semestre - foi devolvido à Conta Única da PMN...R$50.864,44
2014 – 2º. Semestre – deixou de receber da CMN ...................R$44.448,02
2015 – deixou de receber da CMN ..................................................R$90.673,20
2016 – deixou de receber da CMN ..................................................R$82.838,87
TOTALIZANDO .......................................................................................R$372.284,21
Assessora de Comunicação

Comentários

  1. Na câmara municipal apodiense não há nenhum bom exemplo. Ao contrário, há vereador que foi preso, acusado de peculato, e, por pouco não foi reeleito. O povo não vigia o desonesto.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio