VALE-LIVRO: 150 mil alunos beneficiados nas feiras de Natal e Mossoró

Fotos: Jean Lopes
Com a realização da Feira do Livro de Mossoró e o encerramento da 6ª Feira do Livro e Quadrinhos (FLiQ) de Natal, o Governo do RN celebra o investimento de um milhão de reais na compra de livros para as escolas estaduais.

Durante a FLiQ, que aconteceu entre os dias 10 a 13 deste mês, 325 escolas de oito Diretorias Regionais de Educação (Dired´s) puderam conhecer autores, participar de debates e fazer aquisições de acordo com os critérios de cada escola. O investimento na feira de Natal girou em torno de R$ 470 mil.

Somados os alunos de todas as Dired´s que participaram da feira, os livros adquiridos beneficiaram mais de 150 mil estudantes, sendo 95 mil da Região Metropolitana de Natal. Cerca de 40% dos recursos investidos foram em livros de autores potiguares, valorizando a cadeia produtiva e criativa do Estado.

A secretária de Estado da Educação e da Cultura, professora Cláudia Santa Rosa, lembra que esse investimento “democratiza o acesso ao livro e dá autonomia para as escolas escolherem e os comprarem diretamente”.  Ela acrescentou que essa ação “promove a valorização da leitura literária e a alfabetização funcional”.

Foram beneficiadas as diretorias regionais de Natal, Parnamirim, Nova Cruz, São Paulo do Potengi, Ceará Mirim, Macau, Santa Cruz e João Câmara. A SEEC teve um stand montado na feira, com técnicos e educadores que orientaram alunos e gestores para conhecer espaços da feira e na realização das aquisições.

A FLIQ
A FLiQ busca incentivar o hábito de leitura por meio das diversas atividades que realizadas durante quatro dias de evento. Exposições, apresentações musicais e festivais, provocam o despertar do gosto da leitura, nos participantes. Segundo os organizadores, a feira já conquistou o seu espaço entre os principais eventos literários do Nordeste e do país. Mais de dez mil visitantes passaram pela Cidade da Criança, local de realização do evento.

Sobre o Vale-livro
O Governo do Estado lançou em julho o Programa Vale-Livro 2016 que facilita o acesso ao livro e oferece mais opções de leitura aos alunos da rede estadual de ensino. O programa estabelece que 40% dos recursos devem ser investidos em livros de autores potiguares, valorizando a cadeia produtiva e criativa do Estado. Os livros serão adquiridos pelas próprias escolas e destinados aos acervos de suas bibliotecas.
Assecom-RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RETROSPECTIVA 2013/ 2016: APAMI e a gestão de Castelo

Diretora administrativa da maternidade Claudina Pinto pede demissão

EM TEMPO: Reunião da APAMI – As contradições do chefe do executivo

ABERRAÇÃO: Quem votou contra e quem votou a favor de mais desperdício de recursos públicos?

NOTA DE REPÚDIO AO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE APODI