Pular para o conteúdo principal

VALE-LIVRO: 150 mil alunos beneficiados nas feiras de Natal e Mossoró

Fotos: Jean Lopes
Com a realização da Feira do Livro de Mossoró e o encerramento da 6ª Feira do Livro e Quadrinhos (FLiQ) de Natal, o Governo do RN celebra o investimento de um milhão de reais na compra de livros para as escolas estaduais.

Durante a FLiQ, que aconteceu entre os dias 10 a 13 deste mês, 325 escolas de oito Diretorias Regionais de Educação (Dired´s) puderam conhecer autores, participar de debates e fazer aquisições de acordo com os critérios de cada escola. O investimento na feira de Natal girou em torno de R$ 470 mil.

Somados os alunos de todas as Dired´s que participaram da feira, os livros adquiridos beneficiaram mais de 150 mil estudantes, sendo 95 mil da Região Metropolitana de Natal. Cerca de 40% dos recursos investidos foram em livros de autores potiguares, valorizando a cadeia produtiva e criativa do Estado.

A secretária de Estado da Educação e da Cultura, professora Cláudia Santa Rosa, lembra que esse investimento “democratiza o acesso ao livro e dá autonomia para as escolas escolherem e os comprarem diretamente”.  Ela acrescentou que essa ação “promove a valorização da leitura literária e a alfabetização funcional”.

Foram beneficiadas as diretorias regionais de Natal, Parnamirim, Nova Cruz, São Paulo do Potengi, Ceará Mirim, Macau, Santa Cruz e João Câmara. A SEEC teve um stand montado na feira, com técnicos e educadores que orientaram alunos e gestores para conhecer espaços da feira e na realização das aquisições.

A FLIQ
A FLiQ busca incentivar o hábito de leitura por meio das diversas atividades que realizadas durante quatro dias de evento. Exposições, apresentações musicais e festivais, provocam o despertar do gosto da leitura, nos participantes. Segundo os organizadores, a feira já conquistou o seu espaço entre os principais eventos literários do Nordeste e do país. Mais de dez mil visitantes passaram pela Cidade da Criança, local de realização do evento.

Sobre o Vale-livro
O Governo do Estado lançou em julho o Programa Vale-Livro 2016 que facilita o acesso ao livro e oferece mais opções de leitura aos alunos da rede estadual de ensino. O programa estabelece que 40% dos recursos devem ser investidos em livros de autores potiguares, valorizando a cadeia produtiva e criativa do Estado. Os livros serão adquiridos pelas próprias escolas e destinados aos acervos de suas bibliotecas.
Assecom-RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio