Pular para o conteúdo principal

Após pedido de Robinson, malha ferroviária de Natal será ampliada

Reprodução: Ascom/RN
O governador Robinson Faria teve seu pedido atendido pelo ministro das Cidades, Bruno Araújo, na manhã desta sexta-feira (18), durante visita a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) para o recebimento da quarta composição do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT). O chefe do executivo solicitou ao representante do governo federal a extensão da malha ferroviária da região metropolitana de Natal. O novo trecho sairá do município de Extremoz até o Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante.

O que o povo quer é trabalhar. Essa é uma mudança que fortalece o Turismo, a ZPE (Zona de Processamento de Exportação) que vamos licitar em breve, já que o transporte estaria passando ao lado aeroporto, assim como o desenvolvimento do distrito industrial já existente no local”, enumerou Robinson as vantagens do crescimento da malha.

O ministro garantiu que ajudará no projeto executivo - que custará R$ 6 milhões - para a nova extensão. “Vamos assumir a responsabilidade de viabilizar o projeto e futuramente a bancada de deputados federais deverá garantir o orçamento para o funcionamento”, explicou Bruno Araújo.

O governador lembrou que a região metropolitana de Natal tem a melhor malha ferroviária da CBTU no Nordeste e atualmente transporta 12 mil pessoas diariamente com pretensão de chegar a 60 mil. “A menor tarifa do Brasil foi oferecida ao nosso povo”, apontou Robinson. Atualmente a passagem do transporte ferroviário custa R$0,50.

O diretor presidente da CBTU, José Marques, agradeceu ao ministro pela disposição em ajudar nos projetos locais e reforçou a importância da manutenção do transporte ferroviário. “A passagem custa R$0,50, mas o valor real dela é R$ 9. A tarifa é subsidiada para atende a população de menor poder aquisitivo”, salientou. Ele explicou ainda que quanto maior a quantidade de passageiros menor fica o valor da passagem. “Natal tem hoje 56 quilômetros de linha férrea com grande probabilidade de crescimento”, reforçou.

Assecom-RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

APODI: DNIT quer demolir residência e desapropriar moradores que se encontram as margens da BR 405 no Distrito de Melancias

D. Mariana Carvalho, que mora no Distrito de Melancias, zona rural do Apodi, Oeste do RN, está aflita. Está prestes a perder sua residência e ser desapropriada.
O DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura do Trânsito) está querendo demolir sua residência juntamente com a residência do Pr. Gilberto de uma congregação do Distrito.

D. Mariana nos conta que há 01 ano recebeu uma visita do DNIT, notificando sua residência e a residência do Pr. Gilberto. O DNIT alega que sua casa e a do pastor na na área territorial do DNIT.
Ora, qual é esse critério do DNIT para decidir a esse respeito? Dezenas de centenas de casas em Melancias encontram-se as margens da BR 405. Muitas distantes, 05, 07, 10 metros da BR. Em Apodi mesmo, inúmeros estabelecimentos comerciais e casar estão praticamente dentro da BR 405.
Segundo nos relatou D. Mariana, sua residência encontra-se distante 28 metros da BR 405 que corta o Distrito de Melancias. Bem mais distante que diversas outras casas e estabelecimentos comerc…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio