PROPOSTAS: PTdoB abre debate com a sociedade sobre o legislativo apodiense

Nossa caminhada continua! Logo após o pleito eleitoral-2016, elaboramos como meta para esses três meses finais (outubro, novembro e dezembro), debater 03 pontos importantes para o nosso legislativo:

1ª - Fim da reeleição para Presidente da Câmara;
2ª - Prestação de Contas da Câmara Municipal mensalmente para cada vereador e para toda população;
3ª - Economizar recursos mensalmente para construção da sede própria.
Estamos visitando as comunidades rurais e os bairros de nossa cidade promovendo o debate sobre esses três pontos, que é essencial para o funcionamento pleno e produtivo de nossa Câmara Municipal.

Pois bem, vamos entender melhor essas ideias?
Na primeira ideia temos o fim da reeleição para a presidência da câmara; temos que observar duas coisas:
•          O fato de que desde 2002 até 2015, nosso legislativo só teve dois presidentes eleitos. Sendo 13 anos de legislatura centralizada em apenas 2 pessoas.
•          Outra, é que há alternância de poder aumenta a produção e dinamismo (interno), e limita o autoritarismo e diminui a corrupção.
Por isso, temos criado e propagado esse debate na rua, mostrando que não precisamos de “presidentes vitalícios”, mas de LIDERES comprometidos!

Nossa segunda ideia prever prestação de contas mensal dos gastos da câmara; alguns dos nossos amigos já disseram que existe uma prestação de conta mensal, mas cadê? Por que a população não tem acesso?

O que queremos, é uma AMPLA DIVULGAÇÃO dessa prestação de contas. Queremos que cada vereador tenha uma cópia e possa mostrar para seu eleitorado, pessoalmente ou através de sua mídia, prestando efetivamente conta de seu mandato. Queremos que no site da câmara tenha uma aba que disponibilize os gastos mensais para todos. É assim que se faz uma gestão pública participativa e TRANSPARENTE.  O dinheiro é do povo, então eles devem também esta fiscalizando seu gasto, tanto do legislativo, quanto no executivo.

Já na nossa terceira ideia queremos economizar recursos mensalmente para construção da sede própria; nesta ideia atentamos para os altíssimos valores que mensalmente gastamos com alugueis de prédios para que a casa do povo funcione. Historicamente nosso município tem ficado refém de aluguéis e contratos caríssimos, aumentando ainda mais os gastos e sucateamento da máquina pública. Tendo um ORÇAMENTO PLANEJADO E ORGANIZADO, podemos economizar e limitar os gatos da câmara, para que seja construída posteriormente sua sede. Essa obra é de médio e longo prazo, tendo um retorno bem maior posteriormente. E futuramente o dinheiro economizado com os alugueis, poderá ser usado para outros projetos próprios da câmara.

Esse é o início da luta pela melhoria do nosso sistema político; com menos corrupção e autoritarismo.

"A faxina começa na nossa sala, em nossa casa. Para depois estendermos para as outras."

Primeiro queremos moralizar nosso legislativo, aumentando sua produtividade e confiança de trabalho, para só após, começarmos a propor mudanças significativas para o executivo Municipal. Assim, no âmbito municipal, aos poucos vamos idealizando e realizando uma "reforma política", tendo responsabilidade e compromisso com o povo apodiense.

Veja vídeo da assessoria de comunicação:

Comentários

  1. Penso que essas 3 ideias devem ser discutidas na Câmara. São atos que dizem respeito à administração e ao regimento da CM. Politizar a administração pode ser um tiro no pé.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Após falta de atendimento pelo poder público gestante no quinto mês de gestação recorre ao Vereador Charton Rego

RECOMENDAÇÃO: Ministério Público recomenda que Prefeitura de Apodi cancele todos os convênios que possui com APAMI

EM TEMPO: Negócios – Apesar do pouco tempo no mercado a San Valle já é sucesso em toda região

Sem ter o que comemorar, Prefeitura de Apodi encerra ano entregando pintos