Gestões do passado e do presente e um singelo exemplo nas formas de investir recursos

Clique nas imagens para ampliar.
Passagem molhada no sitio juazeiro II. Você acredita que nesse local existe cerca R$ 123 mil investido pela gestão do PMDB em Apodi (Idos entre (2009/2012).

Bom, pelo menos é o que deixou no papel a gestão passado do PMDB em Apodi. No entanto, a CGU constatou (prints abaixo), quando veio aqui em início de 2013 em fiscalização feita por sorteio, que por lá não tem uma pá de cimento investido.



Não são poucos os que se  vangloriam de ter conseguido recursos para o Apodi e enchem as redes sociais argumentando que tudo foi construído pelos gestores atuais foi conseguido pela gestão passada. Agora o que podem dizer quando chegamos em um rio desses nos deparamos com uma situação dessas abaixo?

Para muitos, isso ai (foto acima) é uma obra. Estrutura de feita de carnaúbas onde supostamente está investido aproximadamente R$ 123 mil, só por que se conseguiu o recurso.

Já uma obra conseguida a preço relativamente baixo, a ponte metálica de queimadas, algo em torno de R$ 30 mil, é uma obra desprezível, sem valor.

Como explicar a linha de raciocínio de pessoas que defendem situação tão discrepantes pelas redes sociais? Apesar do grande esforço não consigo entender a linha de raciocínio dos mesmos. 

Um candidato afirma que irá abrir as portas da prefeitura para o povo uma vez eleito. Que tipo de abertura poderia ser essa quando nos deparamos e comparamos uma situação atual com outra quando a gestão do seu partido esteve no poder? Quais seus verdadeiros propósitos?

Bom, vamos contar outras histórias semelhante a essa numa próxima matéria. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FESTA: Rio Apodi amanheceu de barreira a barreira, lagoa do Apodi tomando muita agua

EITA PIULA: Ex-secretário de turismo Júnior Costa desmente matéria da assessoria de Alan e mostra provas

NATUREZA: Praticamente 10 anos depois a Lagoa do Apodi volta a ter um grande volume d’água