Projeto Mães da África facilita frequência de grávidas durante o pré-natal

As doações feitas por pais, alunos e funcionários do Colégio Nossa Senhora das Neves, em Natal, para o projeto Mães da África têm beneficiado as mulheres que vivem em condições precárias, sobretudo durante o período gestacional, no distrito de Rushooka, na República da Uganda, na África.

A iniciativa tem facilitado o acesso das mães à assistência médica antes do parto. Na última segunda-feira (5), a imprensa do país destacou a ação, que tem contribuído para diminuir os índices de mortalidade infantil. Para ler o artigo, clique AQUI.

Antes do projeto Mães da África, as gestantes eram obrigadas a levar os utensílios médicos para realizar o pré-natal - o que nem sempre era possível -, o que as afastavam das quatro visitas necessárias antes do parto.

Com as contribuições financeiras encabeçadas pela comunidade escolar, a ação se tornou referência na África. O projeto é realizado há quatro anos pelas irmãs da Congregação Filhas do Amor Divino, que atuam no país como missionárias voluntárias.

As doações ocorrem durante todo o ano na escola, mas é intensificada em maio, quando são celebrados o Dia das Mães e o Mês Mariano. Nelas, as mulheres têm acesso ao kit bebê, que são bolsas repletas de materiais necessários para a realização dos procedimentos do pré-natal. Os kits vêm com itens, como pinça, agulha, algodão e remédios.

Ideia comunicação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os maiores açudes do Nordeste

REINO ANIMAL: Insetos que sofrem metamorfose

VOLTA ÀS AULAS: Escola Sebastião Gurgel fará aula inaugural nesta sexta, 23

CURIOSIDADE: O sexo no mundo animal – tamanho do pênis

OPERAÇÃO MANUS: MPF questiona quantidade de testemunhas apontadas por Eduardo Cunha