Pular para o conteúdo principal

Para renovar a bancada evangélica opções novas em Apodi

Reprodução TRE.. Clique para ampliar. 
Muitos evangélicos que se elegem, com boa parte dos votos dos evangélicos e estão à frente de seus cargos de parlamentares, na maioria das vezes, tem decepcionado diante da oportunidade que Deus lhes deu.

Aparecem envolvidos em situações e escândalos que, por vezes, resulta em impedimentos de sua vida pública diante da justiça e da sociedade também. Isso sem contar a forma hipócrita como se conduzem. Assim, não andam bem diante de Deus.

Mediante essa realidade, novas opções surgem para representar a bancada evangélica a cada pleito. Em Apodi quantas opções boas de Renovação nos são dadas nesse pleito.

Reprodução Facebook. Clique para ampliar.
O irmão Adailton Targino: Já o presenciei pregar o evangelho algumas vezes. Como tem uma palavra boa, inspirada, que toca o coração da gente. É sem dúvida uma boa opção para esse pleito. Está apto. Um homem que emplaca ideias.

Reprodução Facebook. Clique para ampliar.
Irmão Alexandre Bevenuto: Sua humildade e simplicidade nos encanta e como ajuda a igreja. Sou testemunha disso. Está apto. Outra boa opção para renovarmos a bancada evangélica apodiense. Tradição, confiança e credibilidade.

Reprodução Facebook. Clique para ampliar.
Irmã Léa Costa: Quantas almas já foram alcançadas por sua voz maravilhosa, inspirada e forte? Não foram poucas. As dificuldades são grandes mas é uma mulher de fé. Está apta e é outra boa opção. 

Eis ai muito boas opções para nós, evangélicos, que pensamos em renovação, votarmos e renovar a bancada evangélica na câmara.

Comentários

  1. Mistura explosiva religião com politica. Evangélicos, em sua maioria, julgam-se acima do bem e do mal e usurpam do diabo o direito à pilantragem. Evangélico deve se conter às orações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vejo dessa forma senhor Fábio.

      Nós evangélicos temos o direito sim de termos bancada. Obviamente que política é para ser da porta da igreja para fora. Não concordo que alguém suba num púlpito de uma igreja para pedir votos e fazer comícios. Não. Isso não. Assim devemos ter representação.

      “Não concordo quando o senhor diz que os evangélicos querem ser mais que todos”. A palavra de Deus nos afirma que devemos nos “esforças para alcançarmos uma imagem semelhante a de Cristo”. Por isso que o Cristão autêntico geralmente “anda na contramão da vida”. E muitas vezes somos mal interpretados. Mas esse brilho é intenso desde seu início.

      É bem verdade que andamos longe de ser a imagem e semelhança de cristo. Mas, devemos nos esforçar. Não o caso de querer ser melhor que outros.

      Quanto a política, concordo com você, infelizmente, a maioria quase que total dos evangélicos que enveredam pelo mundo da política, contradiz todos os princípios bíblicos. Infelizmente. Por isso os cristão devem se esforça para tirar os que agem assim da vida pública. Infelizmente os evangélicos são muito pouco politizados e incorrem em sucessivos erros de deixar em cargos públicos quem não corresponde ao que a palavra ensina.
      Esse que citei, os que bem, aqui do Apodi. Merecem um chance.

      São opções melhores que outro que está na política a anos e representa muito mal.

      Forte abraço senhor Fabio. Deus o cubra de bênçãos.

      Excluir
  2. Caro professor. Não quero instigá-lo à celeuma. Respeito sua convicção evangélica, mas não vejo possibilidade da realização da junção imparcial entre a política e a religião. O Estado é laico e, como tal, assim deve permanecer. Do contrário, deveríamos ter, em nome da igualdade, as bancadas da umbanda, do espírita, do católico, do islão, do budista, enfim... Qualquer um de nós pode apresentar candidatura a cargo político, mas deixando de fora o credo religioso. Acho desnecessária a pretensão politica exercida em nome de Deus

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Faleceu a jovem Ellaine Torres

Ellaine Torres se foi... Perdeu a luta para sua enfermidade. Foi uma guerreira. Resistiu enquanto pode. Não deu. Muito jovem, deixa filhinha, familiares e um mundo de amigos órfãos.
Muito triste para todos nós a perda de uma pessoa do bem e que tinha uma vida inteira pela frente.
Que Deus possa nos conceder o conforto. O sepultamento de Ellaine Torres será às 16 horas, no cemitério parque saudade.
Este é o meu consolo no meu sofrimento: A tua promessa dá-me vida Senhor. Salmos 119:50”.

E Alanzinho inaugura a primeira grande obra do seu governo

Uma vez a praça pronta - a parte mais difícil, diga-se de passagem - um parque viria complementar tão grandiosa obra.
A bacurauzada (como é conhecida a militância do PMDB por aqui) do Apodi vai, hoje (21), esquecer a praça, se regozijar e irá focar todo seu olhar, carinho e atenção no parque. Muito bonito, por sinal. Com certeza garantia de muitos sorrisos nos rostos das crianças daqui para frente. 
O Governo Alan Silveira (Alanzinho - como é carinhosamente chamado), inaugurará o parquezinho infantil da praça no dia de hoje. A primeira obra do seu governo. Muito bom para início. Vão logo começando a contar, temos certeza que muitas outras virão. Parabéns prefeito.

Zé Maria anuncia rompimento com o grupo do PCdoB

A partir de agora não partilharei de nenhum projeto ao lado do PCdoB. Tivemos um grupo até ganhar a eleição, depois, o boicote e o isolamento promoveu o desgaste”. Com essas palavras o ex-prefeito do Apodi, José Maria da silva, anunciou a esse blogueiro em entrevista na noite de ontem (29), o rompimento com o grupo do PCdoB aqui do Apodi.
Zé Maria nos afirmou que algumas pessoas estão achando, por exemplo, que a indicação do hospital foi um consenso de toda a oposição. Mas ele afirma que não foi bem assim. “Gostaria de esclarecer que não tive nenhuma participação nessa indicação. Eu, com o apoio de todos os vereadores de oposição, estava definindo um nome, porém a liderança do PCdoB não respeitou e fez a indicação de maneira isolada, desrespeitando a todos nós”, explicou Zé Maria. “Diante disso e de outras situações desagradáveis que passei (sem externar, em defesa da unidade), a partir de agora não partilharei de nenhum projeto ao lado do PCdoB”, continuou. “Tivemos um grupo até ganh…