Contrato de ensino-saúde é assinado entre governo, universidades e 42 municípios potiguares

Foto: Cícero Oliveira
Por Sirleide Pereira

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte e representantes das instituições de ensino superior Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e Universidade Potiguar (UnP) assinaram na manhã desta sexta-feira, 9, em Caicó, o Contrato

Organizativo de Ação Pública de Ensino-Saúde (COAPES) com prefeituras de 42 municípios potiguares.

O COAPES assegura ações de ensino, pesquisa, extensão e assistência à saúde básica, e vai beneficiar estudantes da área de saúde das regiões Seridó e Trairi, viabilizado por meio da Secretaria Estadual de Saúde do RN (SESAP) e secretarias municipais de saúde da IV e IV Unidades Regionais de Saúde Pública (URSAP).

Na ocasião, tanto o representante do governador e também secretário estadual de Saúde, George Antunes de Oliveira, como a reitora da UFRN, Angela Maria Paiva Cruz, garantiram as condições de funcionamento das unidades necessárias às ações previstas nos contratos.

Ao falar sobre o momento, George Antunes ressaltou o compromisso das três instituições de ensino superior com o Sistema Único de Saúde (SUS). "Isto faz a diferença para um estado tão pobre como o RN, sobretudo porque esta política que assumimos está despida de cor e preferência partidária".

Esta ação tem uma imensa relevância social”, disse a reitora Angela Paiva para a plateia do auditório do Centro de Ensino Superior do Seridó (CERES), composta de prefeitos, gestores, discentes e docentes da área da saúde. "Os hospitais de ensino têm a responsabilidade de uma assistência à saúde voltada às comunidades em seu entorno, ao tempo em que se tornam espaço para a formação médica", completou.

O termo de Contrato Organizativo de Ação Pública de Ensino-Saúde tem por objetivo viabilizar a reordenação da oferta de cursos de graduação na área da saúde e de vagas de Residências em saúde nos municípios de adesão a este contrato, com garantia de estrutura de serviços de saúde em condições de oferecer campo de prática, mediante a integração ensino-serviço nas Redes de Atenção à Saúde.

ASCOM – Reitoria/UFRN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RETROSPECTIVA 2013/ 2016: APAMI e a gestão de Castelo

SURPRESA: Grande festa das crianças terá início logo mais as 17 h

O funcionamento da maternidade ou festa para as crianças?

MENSAGEM: Apodienses vencedores

CHARTON REGO: “Faça o repasse e tudo fica em dias. E deixe a fiscalização para, ou quer ser Vereador agora senhor prefeito?”