A quantas anda os rumos da operação Catilinárias e decisões sobre caciques do PMDB?

Reprodução.
A Catilinárias, desdobramento da Lava Jato, foi deflagrada em 15 de dezembro de 2015 e atingiu os caciques do PMDB. Na ocasião alguns foram alvos de mandados de busca e apreensão. O relatório de análise do material apreendido foi finalizado em 11 de julho deste ano.

No entanto, nenhuma decisão concreta da parte das autoridades que investigam foi tomada. Não se tem notícia de nenhuma atitude de nenhum veredito ou se eles vão existir algum dia. Nenhuma punição ou coisa assim. Previsão de possíveis prisões? Nem em sonhos.

Será essa mais uma daquelas diversas investigações contra os poderosos caíques do PMDB que, geralmente, ficam em segredos de justiça. O tempo vai, prescreve tempo do processo e não termina em lugar algum? Não se chega a lugar algum?

E assim, um dos partidos onde ser ver pelo noticiário com estando entre os maiores recordistas de investigações quando o tema é corrupção, vai se sucedendo dentro do poder nessa república. Na boa. Chega a ser estarrecedor. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RETROSPECTIVA 2013/ 2016: APAMI e a gestão de Castelo

EM TEMPO: Reunião da APAMI – As contradições do chefe do executivo

Diretora administrativa da maternidade Claudina Pinto pede demissão

ABERRAÇÃO: Quem votou contra e quem votou a favor de mais desperdício de recursos públicos?

NOTA DE REPÚDIO AO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE APODI