O que o Vale do Apodi tem a dizer da chapa PSDB X PMDB? (Parte 2)

Falar de recursos perdidos me deixa bastante revoltado. Afinal, conseguir uma emenda é muito difícil. Perder recursos é para deixar o contribuinte revolto. Assim, esses tema não pode deixar passar desapercebido.

Em nossa última matéria da parte 1, noticiamos que em 2011, uma emenda no valor de R$390 mil reais foi conseguida pelo empresário Solon Regalado (PSDB) junto com moradores do Vale do Apodi ao deputado federal Rogério Marinho (CLIQUE AQUI para rever parte 1).

Hoje daremos continuidade a segunda parte dessa história que até hoje segue sem respostas. Então, vamos lá.
Fonte: Reprodução Sincov. Clique para ampliar
Como mostra a foto acima, a emenda de R$ 390 mil reais de fato existiu. Em dezembro de 2011, a emenda estava empenhada sob o nº 2011NE801595 como informa o comunicado do gabinete do Deputado Rogério Marinho (PSDB), bastando apenas o executivo (na época comandado pelo PMDB) informar os dados necessários para a mesma então ser liberada.

Fica claro e evidente que diante disso tudo, quem saiu perdendo de fato foi a região do vale que em períodos da colheita do arroz poderia está usufruindo desse equipamento.

Diante disso, faço Três perguntas questionando:
1ª Essa emenda, o que houve? Se perdeu?
2ª Porque o PSDB de Apodi não fez nada para tentar impedir a perda da emenda?
3ª O que diz a região do Vale do Apodi depois dessas evidencias? Dá para confiar mesmo na chapa PSDB x PMDB?

Nos próximos dias, traremos a última parte dessa história onde abordaremos os motivos que levaram a perda dessa emenda. AGUARDEM!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ABERRAÇÃO: Quem votou contra e quem votou a favor de mais desperdício de recursos públicos?

Diretora administrativa da maternidade Claudina Pinto pede demissão

EM TEMPO: Reunião da APAMI – As contradições do chefe do executivo

NOTA DE REPÚDIO AO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE APODI

Zelo pelo recurso público né? Sei!