CIÊNCIAS E A SAÚDE: Afinal, quantas horas devemos dormir por noite?

Foto: Getty imagens
Somos constantemente bombardeados com informações a respeito de como podemos melhorar nossos hábitos de sono e sobre por que não devemos dormir pouco (e nem muito).

Um estudo realizado recentemente acrescentou novos dados à investigação sobre este tema. Pesquisadores do VU University Medical Centre, na Holanda, examinaram a relação entre o tempo que dormimos, a sensibilidade à insulina e o risco de sofrer de diabetes e doenças cardíacas.

Estes pesquisadores concluíram que só precisamos dormir profundamente durante sete horas por noite, e que este é o tempo ideal para manter os níveis de glicose e insulina em patamares adequados. É importante ressaltar que manter um nível de glicose estável é fundamental para controlar o peso corporal.

No entanto, as notícias para quem trabalha demais ou tem finais de semana cheios de planos não são boas: dormir menos de sete horas por noite pode desequilibrar o metabolismo da glicose. Esta alteração pode causar um ganho de peso, e inclusive provocar o desenvolvimento precoce da diabetes.

Um relatório elaborado pela Real Sociedade para a Saúde Pública, no Reino Unido, descobriu que os britânicos dormem menos do que as sete horas de sono recomendadas, atingindo uma média de 6,8 horas por noite.

No Reino Unido mais de 3,9 milhões de pessoas sofrem de diabetes, um número que triplicou desde 1996.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ABERRAÇÃO: Quem votou contra e quem votou a favor de mais desperdício de recursos públicos?

Diretora administrativa da maternidade Claudina Pinto pede demissão

EM TEMPO: Reunião da APAMI – As contradições do chefe do executivo

NOTA DE REPÚDIO AO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE APODI

Zelo pelo recurso público né? Sei!