TAIS BRINCANDO? Rodrigo Janot relaciona Henrique Alves a um grupo criminoso, afirma jornal


Reprodução. Arquivo: Henrique muita atento a discurso de correligionários.
Clique para ampliar.
Uma reportagem na folha de São Paulo, publicada hoje, 05, afirma que em seu despacho, o procurador da República, Rodrigo Janot, relaciona o ex-ministro potiguar Henrique Alves a um grupo criminoso “por ocasião da cobrança de vantagem indevida feita aos empresários da construtora Carioca, Cunha indicou para o depósito da propina outra conta, está de Henrique Eduardo Alves”.

A Procuradoria-Geral da República diz que detectou pagamentos da empreiteira Carioca Engenharia na conta secreta da Suíça atribuída ao ex-ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves (PMDB).

A investigação aponta que ele se beneficiou do esquema de corrupção na Caixa Econômica Federal revelado na sexta (1º) na Operação Sépsis. Sabia-se até agora da existência da conta vinculada a ele no exterior e de uma investigação aberta pelo Ministério Público da Suíça. Agora, surgem dados sobre a origem dos depósitos.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, diz que os repasses da Carioca a Henrique Alves foram feitos sob orientação do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). CLIQUE AQUI e tenha acesso a matéria da folha de S. Paulo na íntegra e confira quanto escândalo envolvendo o nome de Alves.

Comentários

  1. Na oposição,sempre CRITICOU as elites.agora presta serviços a essa mesma ELITE.

    ResponderExcluir
  2. A INGRATIDÃO É O PREÇO DO FAVOR NÃO MERECIDO.

    ResponderExcluir
  3. Absurdo. Saber que foi quase governador né?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

FESTA: Rio Apodi amanheceu de barreira a barreira, lagoa do Apodi tomando muita agua

EITA PIULA: Ex-secretário de turismo Júnior Costa desmente matéria da assessoria de Alan e mostra provas

NATUREZA: Praticamente 10 anos depois a Lagoa do Apodi volta a ter um grande volume d’água