Pular para o conteúdo principal

“É muito fraquinho”, afirma o eleitorado

Reprodução: Vereador Jr. Sousa, Henrique Alves e Alan de klinger.
Até hoje, o chamado eleitor bacurau em Apodi não entende por que Gorete Silveira, com o nome feito e forte na política, livre e desimpedida para se candidatar, não colocou seu nome. Isso por que, soa e ressoa na boca do povo, bem como do apaixonado eleitor bacurau a dificuldade em alavancar o nome do jovem rapaz Alan. 

Após articuladores do grupo do PMDB local quase fazer mágica para tentar trazer um nomes de outros grupos para o PMDB para se candidatar e, diante da decisão da mãe, ex-prefeita derrotada na última eleição municipal, se indispor e não colocar o nome à disposição do partido para nesse pleito - não se sabe por que cargas d’água - está muito, mas muito difícil mesmo alavancar o nome do rapaz que, até “ontem”, nunca deu qualquer trela para a carreira política.

Não sabe nem conversar com a gente”, dizem uns. “É muito mal apresentado”, reclamam outros. “Não decola mesmo”, sentenciam outros. Esses são apenas alguns dos muitos comentários sobre o guri. Já se ouvi até alguém sugerir que o rapaz, supostamente perderia até para sua pretensa vice nas internas, a vereadora Hortência Regalado.

Momentaneamente, o trabalho do grupo resume-se a fazer aquelas velhas e tradicionais visitas a eleitores de carteirinha do partido. Alavancar um nome sem traquejo com a política em um pleito tao curto? Complicado. Boa sorte. Vai precisar.

Comentários

  1. A raiva não resolve nada,não constroi nada,mais pode DISTRUIR TUDO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem toda razão anônimo ai de cima. Ficou tudo destruído mesmo. Segundo relatório da CGU, muitos recursos aplicados a e não executados em passagem milhada, creche, UBS, escola, etc.

      Por isso, em muitas obras estamos pagando duas vezes pelo mesmo serviço. Isso é uma DESTRUIÇÃO de recursos públicos em tempos de tremenda crise.

      Como esses recursos hoje nos fazem falta. Você disse tudo: DESTRUIÇÃO é a palavra. Parabéns pelo comentário.

      Excluir
  2. Esse ai, nem pra vereador ele vai. Que vergonha um partido grande como PMDB aceitar esse menino desconhecido como candidato. Só pra fazer feiura, levar bomba, envergonhar os bacuraus de Apodi.

    ResponderExcluir
  3. É Alaaaaaaaaaaaan!!!!!! Vão ter que engolir cão.

    ResponderExcluir
  4. Pra mim não dá nem um dos dois o povo de gorete fez essas destruição e o de Flaviano acamado com méritos de recursos ja adquiridos.Quero uma nova geração. Vou aguardar um novo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio