Por que no passado a maternidade perdeu o selo de filantropia?

Selo CEBAS
Como sabemos, hoje, 29, foi publicado oficialmente o selo do CEBAS da maternidade Claudina Pinto.

As entidades detentoras do CEBAS, se preenchidos os demais requisitos exigidos pela legislação tributária, podem desfrutar de isenção do pagamento das contribuições sociais incidentes sobre a remuneração paga ou creditada aos seus empregados e trabalhadores avulsos, como também receber transferências de recursos governamentais a título de subvenções sociais, nos termos do art. 30 da Lei nº 12.465/11 (Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO).

Assim, esse selo de filantropia para uma entidade filantrópica, em especial aquelas ligadas a saúde como a maternidade do Apodi, é um documento fundamental. Pois, ele permite a entidade receber recursos da União, conforme lei acima.

Bem sabemos que os recursos do município - Principal parceiro da APAMI, são minguados e, quando uma entidade como a APAMI recebe praticamente só do município, seu funcionamento fica por demais comprometido, mesmo com toda responsabilidade da gestão atual em manter em dia os repasses a APAMI.

Mas o fato é que, o APAMI tinha esse selo e o perdeu. Perdeu mais especificamente no ano de 2011, ano em que o PMDB era governo em Apodi. Por que perdeu?

Todos os anos, a APAMI tem que mandar um relatório ao Ministério da Saúde de toda produção afinal. Afinal, trata-se de recursos federais a uma entidade filantrópica. Se os gestores que estão à frente da instituição passarem dois anos sem informações o Ministério da Saúde, automaticamente o selo é cancelado e fica sem reconhecer a instituição. Foi isso que aconteceu para que a APAMI/Apodi perdesse esse selo no passado.

Assim, reconquista do selo CEBAS, foi uma grande conquista para Apodi, de toda direção atual da APAMI/maternidade, estão de parabéns. Não se pode esquecer aqui da vereadora Soneth Ferreira que, através do Deputado Betinho Rosado, foram importantes na conquista. Grande vereadora essa Soneth. Muito atuante o mandato todo. 

Comentários

  1. Para aqueles que querem o melhor para apodi e especialmente para as gestantes devem estar feliz pela conquista. Mas infelismente tem pessoas que nao queria isso,claro uma pequena parcela que ainda vao se decebcionar ainda mais,pois que trabalha com responsabilidade e foco tera sua reconpensa,avanço e melhoria sāo sinônimo de zelo do dinheiro público.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Secretaria de assistência social do município do Apodi afirmou que despesas do CRAS impedem festa das crianças

Relator do TCU dar parecer favorável para que os ex-gestores do Apodi sejam condenados a devolver recursos ao erário público

RETROSPECTIVA 2013/ 2016: APAMI e a gestão de Castelo

SURPRESA: Grande festa das crianças terá início logo mais as 17 h

O funcionamento da maternidade ou festa para as crianças?