CUNHA DECIDE: Janot ironiza promessa de Cunha de voltar a frequentar Câmara na próxima semana

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ironizou nesta quinta-feira a declaração do presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), de que voltará a frequentar a Casa a partir da próxima semana. Ao deixar o Supremo Tribunal Federal (STF), Janot limitou-se a dizer: “isso é um problema dele”.

Afastado do mandato, consequentemente do cargo de presidente da Câmara há duas semanas, por decisão unânime do STF, Cunha voltou para prestar depoimento ao Conselho de Ética no processo que pode resultar na cassação do seu mandato. “Estou suspenso do exercício do mandato e não de frequentar a Câmara. Vou frequentar meu gabinete pessoal e estarei aqui presente, não mais hoje, mas a partir de segunda-feira”, afirmou o deputado.

Segundo Eduardo Cunha, quem quiser falar com ele a partir da próxima semana poderá passar no gabinete 510, no anexo 4 da Câmara. O procurador-geral da República não respondeu se a eventual volta de Cunha à Câmara representa um desrespeito à decisão do STF.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RETROSPECTIVA 2013/ 2016: APAMI e a gestão de Castelo

EM TEMPO: Reunião da APAMI – As contradições do chefe do executivo

Diretora administrativa da maternidade Claudina Pinto pede demissão

ABERRAÇÃO: Quem votou contra e quem votou a favor de mais desperdício de recursos públicos?

NOTA DE REPÚDIO AO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE APODI