Pular para o conteúdo principal

[Agricultura em ação] Prefeitura de Apodi em parceria com a EMATER reabre Central de distribuição do Programa Compra Direta PAA

Na manhã desta terça-feira, 24, a Prefeitura de Apodi através da Secretaria Municipal de Agricultura, Irrigação, Recursos Hídricos e Meio Ambiente, em parceria com o Governo do Estado através da EMATER, reabriram a Central de Distribuição do Programa Compra Direta, no município de Apodi.

O Compra Direta Local da Agricultura Familiar é uma ação do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), que promove o acesso a alimentos às populações em situação de insegurança alimentar e nutricional, e possibilita a inclusão sócio-produtiva no campo, por meio do fortalecimento da agricultura familiar no RN.

No município do Apodi, o PAA – Compra Direta é operacionalizado pela EMATER e Secretaria Municipal de Agricultura, essa parceria oferece assistência técnica a pequenos produtores, num processo de educação continuada, aprimorando a qualidade dos produtos comercializados. O Programa, adquire pelo preço de mercado os produtos dos agricultores familiares. São comprados itens como frutas e hortaliças, derivados do leite, carnes e produtos beneficiados (bolos, doces, biscoitos, etc). Os alimentos são repassados para creches, escolas e hospitais públicos, associações de idosos e outras instituições de assistência social.

A reestruturação da Central de Comercialização foi uma das prioridades da Gestão Apodi Terra Querida em parceria com o Governo do Estado, a unidade agora está funcionando na sede da Secretaria Municipal de Agricultura, na Fazenda Santana no Bairro Cruz de Almas, e conta com um apoio logístico de recebimento e distribuição dos produtos. A unidade é composta por equipamentos e utensílios destinados a atender as demandas do programa.

Na manhã de hoje, na reabertura do espaço, a Central recebeu mais de cinco toneladas de melancias, a produção foi adquirida do agricultor familiar Bibiano Rebouças Torres, Genildo Rufino Filho, Jean Carlos de Oliveira Rufino e Francisco Rufino Filho, que tem suas unidades produtivas na região da Chapada. Os produtos foram entregues as escolas municipais cadastradas no programa, sendo elas: Escola Municipal Professora Lindaura Silva, Escola Municipal Professora Lourdes Mota, Escola Municipal Professor Veríssimo Gama, Escola Municipal Francisco Alcivan Pinto, Escola Municipal Isabel Aurélia Torres, Escola Municipal 12 de Outubro e Creche Sonho de Criança. Uma parceria também firmada com a Secretaria Municipal da Educação e Cultura de Apodi.

A unidade estará aberta toda terça-feira feira para recebimento de produtos.
Assessoria da secretaria de agricultura

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio