Pular para o conteúdo principal

Jornalista traça futuro sombrio para Henrique Alves: ‘Vai virar carne de sol nas mãos de Sergio Moro’

Para ele, o político potiguar é um grande oportunista e só decidiu 'largar o osso' no ministério, para pegar outro 'mais suculento', com a saída de Dilma do poder.

Foto: Reprodução Facebook
O jornalista Luis Costa Pinto, em sua página no Facebook, teceu comentário, em tom ácido, contra o ex-ministro do Turismo, Henrique Alves. Indignado, Luis criticou a saída do potiguar do ministério, principalmente, devido à situação atual do governo federal, diante da debandada do PMDB.

A rainha não está morta, ainda, e ele já implora para que o ouçam gritando (com sua voz rouca) “viva o rei!”. Ninguém me contou, eu vi num jantar privado em Brasília, pouco antes da posse de Dilma para o segundo mandato: derrotado para o governo do Rio Grande do Norte, Henrique Eduardo Alves, então presidente da Câmara dos Deputados, ficaria sem mandato parlamentar pela primeira vez desde 1971. Aos prantos, pedia a dois senadores e a um deputado que fechassem logo a lista dos ministeriáveis do partido, porque não podia ficar jogado às traças por muito tempo.

Foi aconselhado a esfriar a cabeça e viajar. Argumentou que passaria um Natal e um réveillon péssimos, pois estaria fora do eixo do poder pela primeira vez na vida. Foi então indicado, semanas depois daquele espetáculo de subserviência e apego, para o ministério do Turismo.

Agarrou-se com unhas e dentes ao cargo. Hoje mesmo, por acaso, terminei por ouvir pessoalmente uma conversa em que Henrique Eduardo Alves ainda apelava a um companheiro de partido para que adiassem a definição de abandono da presidente à própria sorte. CONTINUE LENDO...

Comentários

  1. Que jornalista em noção. O alvo de Moro Não é o PMDB. Se fosse, de fato riquinho tava lascado.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

APODI: Mulher dá a luz a uma Criança dentro de um carro

Há tempos prometi para mim mesmo deixar de falar aqui sobre os desmandos do Apodi. Tenho cumprido. Mas, hoje um fato me chamou atenção e é impossível não narrá-lo aqui.

Desde que convênio entre a PMA e a maternidade Claudina Pinto do Apodi deixou de existir, mães de Apodi, bem como de outros municípios que usavam os serviços da maternidade, ficaram um tanto quanto órfãos no que diz respeito à natalidade.
Na tarde deste domingo, 08, um fato triste se deu aqui em Apodi com relação a natalidade. Uma mulher deu a luz dentro de um carro aqui na cidade do Apodi. Um fato triste. Como a maternidade Claudina Pinto faz falta a uma população de 35 mil habitantes e para a região. Lamentável que, na atualidade, isso é considerado  agora normal, uma mãe parir dentro de um carro. Até algum tempo não era normal. Se acontecesse o mundo caia.
Que triste. Vir ao mundo em um carro? Acho que todos tem direito de nascer dignamente. Que saudade da atuação daqueles justiceiros que fizeram grande manifestação co…

Vereador Charton Rêgo propõe inclusão do ensino de LIBRAS em escolas do Município

Aconteceu nesta noite de terça-feira 14/11/2017 as 19hs na sede da Câmara Municipal de Apodi-RN, uma reunião convocada pelo Vereador da Política com Seriedade Charton Rêgo. Alunos apodienses do Curso de Libras (UFERSA, Campus Caraúbas) e membros da Comunidade Surda de Apodi, foram convidados para debater sobre o Projeto de Lei 136/2017 de autoria do Vereador Charton Rêgo que propõe a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar no âmbito municipal.
A PL (Projeto de Lei) que na sessão desta quinta-feira 16/11/17 será encaminhada as comissões, foi apresentada ao grupo que compareceu a reunião. Se aprovada e posteriormente sancionada pelo Executivo, a partir de 2018 a Secretaria de Educação terá obrigatoriedade de garantir acesso das pessoas surdas à comunicação, à informação e à educação, como rege a legislação federal que determina que uma série de medidas sejam tomadas pelos Estados e Municípios que visem tais garantias.
A PL ainda trata sobre a promoção de cursos de c…

INCIDENTE: Motorista mergulha carro da prefeitura do Apodi em rio