Prefeito Flaviano já é o prefeito que mais deu atenção a zona rural

UBS da comunidade de Santa Rosa, inaugurada o ano passado;
UBS da comunidade do Córrego, também inaugurada o ano passado;
O maior programa de estradas vicinais da história do município do Apodi. Nunca se viu tanta atenção a estradas vicinais por aqui;
Vem em breve a inauguração de mais duas UBS: A do distrito de Melancias e do distrito de Soledade; Vale mencionar ainda que os poços perfurados em diversas comunidades em três anos de gestão já ultrapassam os 20 poços.
Isso sem contar que é muito difícil ter uma semana em que o prefeito Flaviano não esteja presente a alguma comunidade rural do Apodi. Ele vai a zona rural umas duas ou três vezes por semana.

Não tem jeito. Por mais que seus adversários políticos lutem para provar o contrário, tentando mostrar que o atual gestor abandonou a zona rural, quando começamos a fazer aquelas pesquisas e comparar  com outras gestores que tiveram muitos outros mandatos a verdade aparece. Proporcionalmente, Flaviano já é o prefeito que mais deu atenção as comunidades rurais. Seriamos injustos tentar provar o contrário.

O prefeito Flaviano já deu tanta atenção a zona rural nessa gestão que já está sendo apelidado do prefeito do sitio e, para alguns comentarista político ele cometeu um erro. Já trabalhou tanto para a zona rural que esqueceu dar mais atenção a cidade.

Mas, por incrível que parece tem alguém que tem a coragem de usar programas de rádio para tentar provar o contrário, ou seja, que a gestão deixou o sitio para lá. Recalque, descontrole, falta de senso, ciúmes, etc., etc. Que adjetivos poderia ser dado a pessoas que vão a uma rádio tentar provar o contrário?

Agora, dizer que a demanda de um município com mais de 1000 kmé grande e qualquer gestor que entrar terá problemas em administrar isso, ai começo a ficar calado. É um argumento mais aceitável. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CELEBRIDADES: A mãe do filho de Neymar, bonita e bem paga

CURIOSIDADE: O sexo no mundo animal – tamanho do pênis

CIÊNCIA: Pesquisa desenvolvida pelo instituto do cérebro da UFRN abre novas possibilidades para conversão das células glias em neurônios

Finalmente, o que dizer sobre nossa triste realidade?

Os maiores açudes do Nordeste