OPINIÃO: Professores, funcionários, gestores e futuros gestores de Apodi vão morrer abraçados

Outro dia acompanhava atentamente uma reunião do sindicato do município do Apodi com seus professores e funcionários, a pauta era a previdência própria. Na oportunidade fiquei impressionado como os funcionários estão com medo da previdência própria. Alguns poucos com a opinião a favor, outros, a maioria, radicalmente contra: “Não sabemos como estarão as coisas daqui a dez anos” diziam.  

Os que defendiam falavam da importância do rigor da fiscalização para as coisas funcionarem bem. Os que estavam com medo, falava da incapacidade deles mesmos praticarem tal ação fiscalizatória. Fiquei pasmo quando uma professora disse a outra que estava pertinho: “Ora, não temos condições de fiscalizar nosso próprio sindicato que não tem eleição há vários anos, imaginem fiscalizar uma providencia”, decretou.

Confesso que se tivesse um buraco para entrar ali, onde eu estava, tinha feito isso. Se um professor diz uma coisa dessas, será que ele está em condições de gerir uma sala de aula? Alguns outros, ainda citavam exemplos das previdências de outras realidades longínquas, destacando que havia rombos astronômicos na conta da previdência própria das cidades mencionadas por eles.  Talvez o rombo na previdência dessas outras cidades, acontece justamente em virtude dessa incapacidade que nós professores temos de exercer nosso papel direito como cidadãos. Não é atoa que temos uma das profissões mais desrespeitadas do planeta apesar da importância.

Como muitos apodiense, também não estou gostando dessa gestão. Ainda não me convenceram nem conquistaram minha simpatia.  Mas, pensem numa saída plausível que eles estão propondo. Acho que a saída para modificar a realidade dos funcionários, não só de Apodi mas das prefeituras das várias cidades do Brasil, é a falta de uma previdência própria  para os mesmos. Já vi o próprio ministro Garibaldi afirmando não entender por que no RN quase não tem municípios que investem em previdência própria. 

E claro, a capacidade de fiscalizar vai ser fundamental para o bom funcionamento dessas previdências. Alguém que se diz incapacidade de forçar seu próprio sindicato a realizar eleições periódicas, mesmo que o eleito seja sempre a mesma pessoa e não tem condições de fiscalizar uma previdência, acho que também não deve ter capacidade de exercer qualquer cargo público.

Eu sou funcionário desse estado e pago uma previdência própria, o IPE. Apesar das pessoas que gerem o IPE está bem longe de mim, de fez enquanto faço uma fiscalização mesmo a distancia. É o meu futuro, como aposentado que está em jogo. Deus me livre de ter como previdência como a social. Nós funcionários do estado estamos nos aposentando com o nosso salario praticamente integral. O famigerado fator previdenciário devoraria minha aposentadoria pela metade. A previdência própria é a saída para se livrar do dragão do fator previdenciário. E eu não sei também como vai está a situação do IPE daqui a dez anos.

Os funcionários desse município do Apodi estão com essa oportunidade, de criar sua previdência própria, mas por medo, uma comodidade enganosa, talvez influência de alguns que querem mais atrapalhar que ajudar, vão perder essa oportunidade e vão continuar com a previdência do governo federal.

Assim, vão continuar sofrendo com o fator previdenciário por toda eternidade, vão continuar na situação penosa de chegar à idade de se aposentar e não vão poder para não perder 50% dos seus vencimentos, o serviço público vai continuar com funcionários caindo os dentes, sem condições de prestar um serviço como deveria devido a idade (quando essa chega não tem jeito), o poder público vai continuar eternamente contratando novos funcionários para substituir idosos sem condições de trabalhar, a folha da PMA vai sempre continuar onerada devido gastos extra com contrato de pessoal.

Devido a essa situação, os gestores, não só esses que ai estão, como os próximos que entrar continuarão alegando que não podem dá um aumentos mais favoráveis para não ultrapassar o limite prudencial, concursos públicos muito dificilmente serão feitos por termos um quadro abarrotado de pessoas recendo sem ter condições de trabalhar. Enfim, os professores e funcionários desse município  assim como essa gestão e as futuras vão todos morrer abraçados, por medo, ingerência, comodidade, incapacidade, politicagem, etc., etc., etc.,. Triste. 

Comentários

  1. Eu também vejo muita politicagem no meio disso tudo. Gestões passadas nunca tiveram a coragem de enfrentar essa realidade de frente. Isso é uma coisa com grandes chances de sucesso. Quem nunca teve a coragem de fazer não quer que os outros façam e levem os devidos reconhecimentos

    ResponderExcluir
  2. Parabéns cara, uma boa visão da realidade. Infelizmente, essa discussão é novidade para a maioria dos funcionários, mas ao mesmo tempo demonstra pouca confiabilidade na classe política de modo geral, ai, nem mesmo em quem se votou na última eleição escapa. Todo mundo já descobriu que teoria e prática camninham separados. O povo gosta mesmo é de carnaval!

    ResponderExcluir
  3. Como resolver se a nossa incapacidade de gerenciar o nosso sindicato ditarialmente falando?um absurdo que ja se devia ter levado a promotoria.vamos fazer uma campanha muda direção e aí ficaremos mais perto de uma previdencia privada.

    ResponderExcluir
  4. Deixem morrer. Quem tem medo a ponto de não querer mudar para melhor merece mesmo morrer abraçados como vc diz. Amei a imagem dos esqueletos. Um brinde a todos nós professores.

    ResponderExcluir
  5. Foi..., a conversinha é essa. quandoa prefeita gorete propôs a previdencia os bonitin do pc do b era incentivando contra.

    ResponderExcluir
  6. A nova geração vai reajustar salários e realizar concursos públicos com o dinheiro da previdencia antes de ser aprovado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles não tiveram a capacidade de realizar uma seletiva que a que fizeram foi anulada pela justiça. Imaginem só um povo desse gerenciando uma previdência. É tiro no pé. Acordem!!! A gestão tá completamente sem ação. Basta ver não tem sequer nada funcionando. Os programas sociais que são pagos com recursos federais não estão funcionando.

      Excluir
  7. qd mudar esse presidente que esta ai pode até nós ter uma
    presidência propria que ele serve para atrapalhar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por que vocês não pedem pra mudar a direção da escola do córrego que não dar expediente? Como é que pode ser diretor alguém que tem uma carga horária de 90 horas?

      Excluir
  8. eu sou funcionário tambem tenho mêdo porque nós ñ comhecem
    mais ñ tem outra saida temos que acreditar.se ñ os funcionários vão ficar todos velhinhos e munca vão se apusenrtar se aprovar vai abrir as portas para outras
    pessoas.

    ResponderExcluir
  9. vamos mudar essa direção vamos fazer uma campanha se ñ
    mudar ñ vamos ter previdencia propria.

    ResponderExcluir
  10. esse governo só tem propaganda enganosa,muita conversa e pouca ação.

    ResponderExcluir
  11. propagana enganosa tinha gorete que fez tres praças e ninguem sabe aonde é.

    ResponderExcluir
  12. não sou contra a greve,porém interrogo?porque o sindicato do municipio,mesmo quando gorete negou os 22%,esse sindicato sempre negociava uma nova data e terminou deixando de fazer uma greve durante os 48 meses de gogo.GREVE POLITICA?em apenas 4 meses ja encontrou o presidente motivo para incentivar uma grve?quando é que esse presidente do sindicato vai encontrar um motivo para realizar uma eleição no sindicato?porque a nossa categoria não se reune e vai até a promotoria publica solicitar um sindicato democratico?

    ResponderExcluir
  13. acho que deveriamos aprovar pois estou com tempo de serviço e não posso mim aposentar em apodi tudo é politicagem tai o sindicato com indicativo de greve em apodi e durante todo o governo da nossa querida gorete,num teve nenhum motivo para o sindicato puxar nenhuma greve não?tá na cara se fosse gorete a prefeita seria mais quatro anos sem greve ,agora por puro motivo de a direção do sindicato ser de um partido contra o prefeito atual,ai encontra motivos para tal.a verdade é essa eu não farei greve,não sou massa de manobra do sr presidente do sindiato não.toinho faça materia sobre essa estranha posição do sindicato.

    ResponderExcluir
  14. amigas sindicalizadas.9 de maio de 2013 18:26

    concordo,a direção do sindicato deveria fazer uma assembleia para divulgar uma eleição com todos os prazos legais como manda o estatudo do sindicato dos servidores.porque o presidente atual tornou se vitalicio/ o estatudo diz isso?queremos eleição já e a gente tem como cobrar isso na promotoria publica.vamos exigir isso logo logo.

    ResponderExcluir
  15. vamos formar outro sindicato,vamos acabar com esse do SR...fulano de tal,queremos um sindicato com eleições essa é a verdade,vamos pedir prestações de contas expostas em assembleias,cópias destribuidas para nois associados.transparencia e democracia.

    ResponderExcluir
  16. vamos formar outro sindicato,vamos acabar com esse do SR...fulano de tal,queremos um sindicato com eleições essa é a verdade,vamos pedir prestações de contas expostas em assembleias,cópias destribuidas para nois associados.transparencia e democracia.

    ResponderExcluir
  17. eu tambem concordo com esse comentário,vamos mudar essa direção queremos um sindicato mais democrático se ñ os socios vão todos sair.esse presidente só faz o que ele quer.Ñ vamos aceitar isso.

    ResponderExcluir
  18. queremos justiça vamos falar com promotoria de justiça vamos botar esse srº jõao bosco pra fora ele só faz o qu
    ele quer.

    ResponderExcluir

Postar um comentário